INTERCÂMBIO NA TERCEIRA IDADE – LONDRES.

“Seja qual for o seu sonho… comece”. Johann Goethe

Fazer um intercâmbio deveria entrar para uma daquelas listas de 100 coisas que você deve fazer antes de morrer. Já estava pesquisando e me preparando para fazer um intercâmbio á pelo menos 2 ano atras… quer dizer voltei a estudar ingles (CNA/ PANAMBY) para rever meu ingles enferrujado á anos, assim aproveitaria muito mais meu curso. Decisão acertada rsrsrs.

Surgiu em junho oportunidade de ir para Londres… fiz meu intercâmbio na – OHC – OXFORD HOUSE COLLEGE (3 semanas).   A tradicionalíssima OHC foi fundada em 1974 se destacando pelo comprometimento acadêmico de seu corpo docente em ensinar o genuíno Inglês Britânico.

Proporciona aos estudantes uma ótima qualidade educativa, com foco no sucesso acadêmico e profissional, em um ambiente seguro e divertido na qual a diversidade cultural e valores pessoais são respeitados e celebrados. Conheci muitas pessoas de diferentes idades e  nacionalidades… uma oportunidade enriquecedora de integrar os nossos conhecimentos.

As escolas oferecem excelência nos padrões de ensino, condições de bem-estar aos alunos e atividades sociais. Destaque para:

  • Mais de 35 anos de excelência;
  • Escolas nos 15 principais destinos para viajar e aprender o idioma Inglês
  • Professores altamente qualificados;
  • Ambiente de aprendizagem aconchegante com todo o suporte necessário disponível;
  • Flexibilidade de horários;
  • Opções de cursos integrais, semi-intensivos e intensivos;
  • Política de apenas poder falar em Inglês em todas as nossas escolas
  • A maioria dos cursos começam nas segundas feiras.

A OFC/ Oxoford St é uma das maiores e mais bem sucedidas escolas de inglês do Reino Unido e está localizada na Zona 1, na principal avenida do centro de Londres, Oxford Street, em frente a estação de metro Tottenham… onde escolhi fazer meu intercâmbio.  O curso foi interativo, divertido e muito gratificante.

Essa experiência foi única e inesquecível… que te faz crescer e melhorar como pessoa… e te abre muitas portas… Foi a realização de um antigo sonho… que com certeza me realizou e me fará retornar outras vezes rsrsrs... Recomendo para todos.

http://www.ohcenglish.com/school/LONDON_OXFORD_STREET

Anúncios

CONHEÇA OS SETE EXERCÍCIOS MENTAIS QUE AJUDAM A PRESERVAR A MEMÓRIA.

idoso lendo

“Mente ativa suporta mais sobrecargas de tarefas… gerando menos lapsos.” Leandro Teles

Ler, manter uma alimentação equilibrada, dormir bem, praticar exercícios físicos e realizar atividades mentais ajudam a preservar o bem-estar do cérebro. É importante estar sempre alerta para perceber os pequenos sinais que indicam que nossa capacidade mental anda se deteriorando, surgindo lapsos de memória, desatenção e baixa produtividade.

De acordo com o neurologista Leandro Teles, quanto mais você exercitar seu cérebro melhor será o seu desempenho para resolver questões lógicas e os problemas do dia a dia.

— Exercícios mentais melhoram a capacidade de atenção, memória, linguagem e raciocínio. Esse tipo de atividade ajuda a prevenir e combater o declínio cognitivo que ocorre invariavelmente com o envelhecimento e mesmo proteger contra doenças degenerativas, como o Alzheimer — explica o neurologista.

Com o passar dos anos, a velocidade de processamento da informação diminui, esse declínio é geralmente compensado com a experiência adquirida ao longo dos anos. Um cérebro sempre ativo é mais confiável e suporta mais sobrecargas eventuais de tarefas, gerando menos lapsos, brancos e erros de julgamento.

Buscar sempre atividades novas ou mesmo fazer as coisas corriqueiras de modo diferente. A mudança de hábitos como fazer caminhos diferentes quando for ao trabalho, estimular o paladar, vestir de olhos fechados, inverter a mão do mouse e para escovar os dentes são pequenas mudanças que se transformam em desafios e estimulam o cérebro a se exercitar, sair da zona de conforto, criar alternativas, desautomatizando o processo mental do cotidiano.

— Os hábitos novos e os hábitos antigos renovados provocam a criação de redes neurais mais sólidas e saudáveis, além de fortalecer redes neurais antigas. A atividade mental constante mantém o cérebro apto a gerar respostas mais rápidas e acertadas, principalmente nos momentos mais difíceis — destaca Teles. Conheça sete exercícios para ajudar a manter o cérebro em forma:

idosos alegria

  1. Faça a cabeça funcionar

Ao entrar numa sala onde esteja muita gente, tente determinar quantas pessoas estão do lado esquerdo e do lado direito. Identifique os objetos que decoram a sala, feche os olhos e enumere-os. Tente adivinhar quem está ao telefone antes de perguntar quem é, apenas pelo timbre da voz. Antes de dormir, escolha a situação mais importante do dia e reconstrua mentalmente em detalhes, logo ao acordar remonte seu sonho. Ao ouvir uma palavra diferente, pense em outras cinco começando com a mesma letra, escreva uma lista de supermercado e faça toda a compra sem olhar pra ela (conferindo apenas no final). Enfim, dê trabalho para seu cérebro, use a criatividade, tudo é válido para exercitar os neurônios.

  1. Durma bem

A falta de sono prejudica muito a memória, é mais difícil para as pessoas que convivem com esse problema memorizar dados, números e pessoas. O sono é fundamental para fixação das atividades do dia anterior e prepara o cérebro para as atividades mentais do dia seguinte. Não deixe também de tirar aquela “soneca” depois do almoço, não mais que 30 ou 40 minutos, para o cérebro ter um bom rendimento no período da tarde.

quebra-cabeca

  1. Monte quebra-cabeças

Jogos infantis como da memória e quebra-cabeças exigem que o cérebro trabalhe a concentração. Compre um desses jogos e cronometre o tempo que você levou para encaixar as peças ou descobri-las. E depois, repita novamente e veja o quanto você progrediu. Outros jogos que ajudam também são xadrez, palavras cruzadas, sudoku, dominó, jogos de perguntas e respostas e mesmo jogos de cartas.

  1. Beba com moderação

O álcool é um dos inimigos mais agressivos do cérebro. O excesso de álcool leva à lesão direta dos neurônios, causando incoordenação motora e comprometimento intelectual. Além da lesão direta, ocorre lesão indireta com carência de vitamina B1 (tiamina) e vitamina B12 (cobalamina).

  1. Mexa o corpo todo

bigstock_Senior_healthy_fitness_couple__

O exercício físico regular melhora nosso cérebro por diversos motivos. Melhora o sono, melhora sintomas de ansiedade e depressão, promove a liberação de substâncias como endorfinas, serotonina e dopamina, melhorando a atenção, a concentração, a memória e o raciocínio. A atividade física reduz o peso, controla o diabetes e a hipertensão e reduz os níveis de colesterol, agredindo menos o cérebro por doenças dentro dos vasos.

  1. Coma direito

Mantenha uma alimentação equilibrada, controle o seu peso, faça avaliação médica periódica e evite o tabagismo e outras drogas. A melhor recomendação para manter uma boa memória é cuidar bem da sua saúde.

  1. Leia

Não tenha preguiça de ler. A leitura é uma das atividades cerebrais mais completas, pois estimula todo o processo da memória. Vivencie a leitura, remonte a história, visualize os personagens e as cenas. Leia livros, revistas, jornais, e-mails, cartas antigas. Leia.

http://zh.clicrbs.com.br/rs/vida-e-estilo/vida/noticia/2012/09/conheca-sete-exercicios-mentais-que-ajudam-a-preservar-a-memoria-3885700.html

PARA MAIORES DE 60 ANOS (E PARA OS QUE VÃO CHEGAR LÁ)…

meditando 3

“Viver é envelhecer, nada mais”. Simone de Beauvoir.

Adorei estas dicas para quem já passou dos 60 e também para quem ainda não chegou a essa idade. Não consegui encontrar o(a) autor(a). É uma relação de medidas para se viver melhor. Vamos lá:

  1. É HORA DE USAR O DINHEIRO (pouco ou muito) que você conseguiu economizar . Use-o para você, não para guardá-lo e não para ser desfrutado por aqueles que não tem a menor noção do sacrifício que você fez para consegui-lo. Geralmente as pessoas que não estão sequer na família: genros, noras, sobrinhos. Lembre-se que não há nada mais perigoso do que um genro ou uma nora com ideias. Atenção: não é tempo para maravilhosos investimentos, por mais que possam parecer, eles só trazem problemas e é hora de ter muita paz e tranquilidade.
  2. PARE de PREOCUPAR-SE COM A SITUAÇÃO FINANCEIRA dos filhos e netos.
    Não se sinta culpado por gastar o seu dinheiro consigo mesmo. Você provavelmente já ofereceu o que foi possível na infância e juventude como uma boa educação. Agora, pois, a responsabilidade é deles.
  3. JÁ NÃO É época de sustentar qualquer pessoa de sua família. Seja um pouco egoísta, mas não usurário. Tenha uma vida saudável, sem grande esforço físico. Faça ginástica moderada (por exemplo, andar regularmente) e coma bem.
  4. SEMPRE compre o melhor e mais bonito. Lembre-se que, neste momento, um objetivo fundamental é de gastar dinheiro com você, com seus gostos e caprichos e do seu parceiro. Após a morte o dinheiro só gera ódio e ressentimento.
  5. NADA de angustiar-se com pouca coisa. Na vida tudo passa, sejam bons momentos para serem lembrados, sejam os maus, que devem rapidamente ser esquecidos.
  6. Independente da idade, sempre MANTENHA VIVO O AMOR.
    Ame o seu parceiro, ame a vida, ame o seu próximo … LEMBRE-SE !! “Um homem nunca é velho enquanto se lhe reste a inteligência e o afeto”.
  7. SEJA VAIDOSO. Frequente cabeleireiro, faça as unhas, vá ao dermatologista, dentista, e use perfumes e cremes com moderação. Porque se agora você não é bonito, é, pelo menos, bem conservado.
  8. NADA de SER MUITO MODERNO. É triste e doloroso ver pessoas com penteados e roupas feitas para os jovens.
  9. SEMPRE MANTENHA-SE ATUALIZADO. Leia livros e jornais, ouça rádio, assista bons programas na TV, visite Internet, com alguma frequência, envie e responda “e-mails” use as Redes Sociais, mas sem estresse ou para criar um vício. Chame os amigos.
  10. RESPEITE A OPINIÃO DOS JOVENS. Muitos deles estão melhor preparados para a vida, como nós quando estávamos a sua idade.
  11. NUNCA USE o termo “NO MEU TEMPO¨. Seu tempo é agora, não se confunda. Pode lembrar do passado, mas com saudade moderada e feliz por ter vivido.
  12. NÃO caia em tentação de VIVER COM FILHOS OU NETOS. Apesar de ocasionalmente ir alguns dias como hóspede, respeite a privacidade deles, mas especialmente a sua. Se você perdeu o seu parceiro, obtenha uma pessoa para ir morar com você e trabalhar com as tarefas domésticas, e tomar esta decisão somente quando não mais possa dar de si e o fim esteja próximo.
  13. Pode ser muito divertido CONVIVER COM PESSOAS DE SUA IDADE. E o mais importante, não vai funcionar com qualquer um. Mas sim se você se reunir com pessoas positivas e alegres, nunca com “velhos amargos”.
  14. MANTENHA UM HOBBY. Você pode viajar, caminhar, cozinhar, ler, dançar, cuidar de um gato, de um cachorro, cuidar de plantas, cartas de baralho, golfe, navegar na Internet, pintura, trabalho voluntário em uma ONG, ou coletar alguma coisa. Faça o que você gosta e o que seus recursos permitem.
  15. ACEITE CONVITES. Batizados, formaturas, aniversários, casamentos, conferências … Visite museus, vá para o campo … o importante é sair de casa por um tempo. Mas não fique chateado se ninguém o convidou. Certamente, quando você era jovem também não convidava seus pais para tudo.
  16. FALE POUCO E OUÇA MAIS. Sua vida e seu passado só importam para você mesmo. Se alguém lhe perguntar sobre esses assuntos, seja breve e tente falar sobre coisas boas e agradáveis. Jamais se lamente de nada. Fale em um tom baixo, cortês. Não critique qualquer coisa, aceite situações como elas são. Tudo está passando. Lembre-se que em breve voltará para sua casa e sua rotina.
  17. DORES e desconfortos, apresentará sempre. NÃO os torne mais PROBLEMÁTICO do que são. Tente minimizá-los. No final, eles só afetam você e são problemas seus e do seu médico. Lamentações nada conseguem.
  18. Permaneça apegado à RELIGIÃO. Mas orando e rezando o tempo todo como um fanático, não conseguirá nada. Se você é religioso, viva-o intensamente, mas sem ostentação. A boa notícia é que “em breve, poderá fazer seus pedidos pessoalmente”
  19. RIA-SE MUITO, ria-se de tudo. Você é um sortudo, você teve uma vida, uma vida longa, e a morte só será uma nova etapa, uma etapa incerta, assim como foi incerta toda a sua vida.
  20. Não faça caso do que dizem a seu respeito, e menos do que pensam de você. Se alguém lhe diz que agora você não faz nada de importante, NÃO SE PREOCUPE. A coisa mais importante já está feita: você e sua história, boa ou ruim, seja como foi. Agora se trata de uma jubilação, o mais suave, em paz e feliz possível.

E LEMBRE-SE: “A vida é muito curta para beber vinho ruim”

feliz

http://www.50emais.com.br/para-maiores-de-60-anos-e-para-os-que-vao-chegar-la/

VIDA DE MARIA!

“Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”. Paulo Freire

Quem não viu ainda este vídeo (2006) precisa ver! Sensacional!

Ele retrata uma realidade da Educação que existe não só no Nordeste… mais em muitos lugares do Brasil. Conta a vida de Maria uma criança que aprendeu a escrever seu nome e aparentemente estava muito felizes em escrevê-lo, mas sua mãe achava que isso não era bom para ela… para sua mãe o importante era que Maria ajudasse nos afazeres de casa, ou seja, que ao crescer tivesse uma vida como a da sua mãe.

Assim Maria foi crescendo naquelas péssimas condições, com um futuro igual o de sua mãe. Maria casou-se e teve vários filhos. Ao final da história podemos ver que Maria muito envelhecida e cansada e… No caderno podemos ver quantas Marias passaram pela mesma situação, é algo que não muda… um final repetido de geração em geração…

Assista ao vídeo:

“VIDA MARIA” é um projeto premiado no “3o. PRÊMIO CEARÁ DE CINEMA E VÍDEO”, dirigido por Marcio Ramos… realizado pelo Governo do Estado do Ceará. Recomendo!!!

Espero que gostem… Beijos!!!!

ENVELHECER É CHATO, MAS A ALTERNATIVA É PIOR…

BIA

“Vivemos cercados pelas nossas alternativas, pelo que podíamos ter sido”. Luis Fernando Veríssimo

Adoro crônicas… parece que foi escrita ontem esta crônica de Luís Fernando Veríssimo que foi publicada originalmente em O Globo, em 13 de junho de 2013, com o título de Alternativa. Leiam:

Envelhecer é chato, mas consolemo-nos: a alternativa é pior. Ninguém que eu conheça morreu e voltou para contar como é estar morto, mas o consenso geral é que existir é muito melhor do que não existir. Há dúvidas, claro. Muitos acreditam que com a morte se vai desta vida para outra melhor, inclusive mais barata, além de eterna. Só descobriremos quando chegarmos lá. Enquanto isto… vamos envelhecendo com a dignidade possível, sem nenhuma vontade de experimentar a alternativa.

Mas há casos em que a alternativa para as coisas como estão é conhecida. Já passamos pela alternativa e sabemos muito bem como ela é. Por exemplo: a alternativa de um país sem políticos, ou com políticos cerceados por um poder mais alto e armado. Tivemos vinte anos desta alternativa e quem tem saudade dela precisa ser constantemente lembrado de como foi. Não havia corrupção? Havia, sim, não havia era investigação para valer. Havia prepotência, havia censura à imprensa, havia a Presidência passando de general para general sem consulta popular, repressão criminosa à divergência, uma política econômica subserviente e um “milagre” econômico enganador. Quem viveu naquele tempo lembra que as ordens do dia nos quartéis eram lidas e divulgadas como éditos papais para orientar os fiéis sobre o “pensamento militar”, que decidia nossas vidas.

Ao contrario da morte, de uma ditadura se volta, preferencialmente com uma lição aprendida. E, se para garantir que a alternativa não se repita, é preciso cuidar para não desmoralizar demais a política e os políticos, que seja. Melhor uma democracia imperfeita do que uma ordem falsa, mas incontestável. Da próxima vez que desesperar dos nossos políticos, portanto, e que alguma notícia de Brasília lhe enojar, ou você concluir que o país estaria melhor sem esses dirigentes e representantes que só representam seus interesses, e seus bolsos, respire fundo e pense na alternativa.

Sequer pensar que a alternativa seria preferível — como tem gente pensando — equivale a um suicídio cívico. Para mudar isso aí, prefira a vida — e o voto.

http://contobrasileiro.com.br/alternativa-artigo-de-luis-fernando-verissimo/

IDOSOS AMERICANOS USAM INTERNET PARA ENSINAR INGLÊS A BRASILEIROS.

“Se falássemos uma língua diferente, enxergaríamos um mundo diferente.” Ludwig Wittgenstein. 

Vivendo e Aprendendo sempre! A repórter Simone Queiroz mostra uma união perfeita entre idosos americanos e jovens brasileiros. Uma escola de idiomas firmou convênio com um residencial de idosos dos Estados Unidos (CNA Speakingange Exch) para aulas de conversação desde 2014.

Esse encontro é realizado por meio de uma ferramenta digital exclusiva, que coloca os alunos desta escola frente a frente com os americanos via videochat…

Eles já não se preocupam tanto com oportunidade de emprego, mas sentem falta de conversar com pessoas mais jovens. Os velhinhos ganharam companhia, e os alunos conheceram novos professores. Esta troca traz ganhos para todos. Assista ao vídeo…

Eles já não se preocupam tanto com oportunidade de emprego, mas sentem falta de conversar com pessoas mais jovens.

Atenção o CNA não pagou para publicarmos esse vídeo. 

Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=eEyyYhnT6SA

 

ESTUDAR EM PORTUGAL… NOVAS EXPERIÊNCIAS DE VIDA! #hashtag

Portugal Coimbra 1

“Esta experiência, esta vida é nossa única chance de sermos nós mesmo”. Lya Luft

Chegou a minha vez… aposentei e busco novas experiências… morar na Europa é meu projeto de vida atual, estou me preparando para isso… em breve meu marido também se aposenta. E por que não voltar a estudar? Pensando nisso ando pesquisando as melhores opções… sugiro ler as dicas do euro dicas.

Se você sonha em morar fora do país, Portugal certamente é um destino que deve entrar na sua lista. O país tem excelentes universidades e um ensino de alta qualidade. Oito instituições de ensino do país estão entre as melhores universidades do mundo. As facilidades da língua e do clima também ajudam muito na adaptação.

As principais instituições de ensino estão nas cidades de Lisboa, Porto, Braga e Aveiro. Os alunos brasileiros e estrangeiros se sentem muito acolhidos nas instituições e o país está acostumado com as multiculturalidades dentro da sala de aula.

Como é Estudar em Portugal

Quem vem para Portugal, seja no intercâmbio (Erasmus), Mestrado ou Doutorado faz amigos para vida toda. Os meses ou anos vividos aqui são intensos e de muito aprendizado.

Estudar em Portugal te faz crescer e ampliar seu conhecimento de mundo. Os portugueses são muito receptivos e adoram fazer amizades com os brasileiros. Em uma sala de aula é possível ter mais de dez nacionalidades diferentes e os professores são preparados para enturmar os estrangeiros. Todos os professores falam inglês e fazem questão de que os estrangeiros falem de seus países e contribuam com as aulas.

As diferenças culturais são bem visíveis dentro e fora da sala de aula, os alunos europeus de modo geral respeitam muito os professores e os tratam pelos títulos. Existem diversas palavras e expressões que não conhecemos e ter uma aula de mestrado, por exemplo, é um aprendizado enorme a cada dia. Os docentes estão sempre dispostos a ajudar os alunos que vieram de outras instituições e de outros países, e até se dispõem a dar aulas extras, caso algum aluno sinta a necessidade.

Quando você entrar na sua primeira aula portuguesa, talvez você não entenda tudo que o professor disse, mas aos poucos o sotaque e as novas palavras vão se tornando comuns aos ouvidos. Veja algumas diferenças do Português de Portugal.

pORTUGAL MESTRADO universidade-de-lisboa

As nacionalidades mais comuns em Portugal são a brasileira, a espanhola, a italiana, moçambicana, angolana e cabo-verdiana. A pluralidade cultural enriquece muitos as aulas e o crescimento pessoal e profissional são constantes.

Fazer amigos e se enturmar é muito fácil, basta um sorriso e você já começará a ter amigos portugueses. Eles são muito simpáticos e adoram a cultura brasileira, conhecem todos nossos artistas e ouvem muito a nossa música. Eles estão sempre dispostos a fazer festas e encontrar a turma para se divertir nos finais de semana.

A maioria dos estudantes portugueses só começa a trabalhar depois de concluídos os estudos, então eles se dedicam muito ao curso e as amizades.

Portugal Reitoria_da_Universidade_do_Porto_(Portugal)_001

Estudar em Portugal é uma oportunidade única e de um crescimento pessoal imensurável. Se você precisa desse empurrão, não perca tempo e se jogue! Vale muito a pena viver na terrinha!

Confira algumas das universidades portuguesas que recebem estrangeiros:

Saiba também Como validar o diploma brasileiro em Portugal.

Assista este vídeo do “zuca que virou tuga”

Fonte: http://www.eurodicas.com.br/estudar-em-portugal/

COMO MORAR EM PORTUGAL?

PORTUGAL MUDANÇAS

“Mude, mas comece devagar, porque a direção é mais importante que a velocidade.”  Clarice Lispector.

Atendendo a muitos pedidos aqui esta “6 maneiras para morar e trabalhar em Portugal”.

Nós brasileiros não vemos Portugal como um país tão distante do nosso, talvez pela ligação histórica, talvez por ser o mesmo idioma, mas a verdade é que é sim um mundo completamente diferente. As leis são outras, os costumes são outros e até o Português de Portugal é mais distante do que você imagina…

Mas isso não nos impede de querer viver no pedacinho mais brasileiro da Europa. Antes de pensar em mudar para Portugal, leve em consideração os custos de vida em Portugal. Agora vamos ao que interessa… como morar em Portugal?

Estudar em Portugal

PORTUGAL brasil-e-portugal

Uma opção para passar uma temporada na terra do bacalhau e do vinho, é vir para “estudar”. O próprio Governo Brasileiro tem programas de incentivo para intercâmbio.

Para quem esta na faculdade, tem o programa Ciências sem Fronteiras, que possibilita ficar entre 6 meses e 1 ano estudando, com direito a uma bolsa suficiente para pagar todas as suas despesas.

Como o nome diz, o programa é para cursos de “exatas”, quem faz “humanas” fica de fora, mas não precisa ficar chateado. O Santander tem um programa chamado Fórmula Santander, que disponibiliza bolsas de estudo para alunos de graduação e pós-graduação para estudar fora do Brasil.
Já contamos (euro dicas) aqui como é Estudar em Portugal e Quanto custa fazer Mestrado em Portugal.

Trabalhar em Portugal

PORTUGAL TRABALHO

Essa é uma opção um pouco mais complicada, pode começar enviando CV para algumas empresas da sua área e ver se tem alguma resposta positiva. Caso a empresa tenha interesse em te contratar, você consegue um visto de trabalho e residência. O problema é que ainda tem muito desemprego, e fica muito mais fácil contratar alguém que já reside no país. Exceção para área de TI, que precisa de muita mão de obra especifica ainda em falta por aqui.

Veja o guia de como Trabalhar em Portugal, e saiba mais sobre os salários e empregos em Portugal.

Comprar uma casa em Portugal

PORTUGAL EURO

Depois da crise, para fomentar a economia alguns países da união europeia adotaram programas de facilitação de visto chamado Golden Visa, que beneficia quem compra um imóvel no valor de €500 mil (sem financiamento) ou mais. Ou seja, não é para qualquer um, é um investimento muito alto.

Com esse visto você pode viver e trabalhar em Portugal, e ter acesso a qualquer outro país do espaço Schengen, bem como solicitar reagrupamento familiar (trazer sua família).

Abrir empresa em Portugal

Ainda dentro do programa Golden Visa Portugal, se você abrir uma empresa que cria pelo menos 10 empregos diretos, também ganha o direito do visto e todos seus benefícios. Outra opção é a transferência de capitais de 1.000.000€ ou mais. É sem dúvida uma excelente opção para empresários que querem expandir negócios na Europa e viver com mais qualidade de vida.

Se você ainda não tem tudo isso, mas quer empreender em Portugal, a partir de €5.000 pode solicitar o Visto de Empreendedor (Visto D2) e viver legalmente em Portugal. Veja como solicitar o Visto de Empreendedor passo a passo.

Obtendo a Cidadania Portuguesa

PORTUGAL BRASIL CIDADANIA

Ah, o desejado passaporte Europeu. Se você tem na sua família avós ou pais que nasceram na Europa, pode ser que você consiga o passaporte / cidadania europeia. Isso te daria o direito de viver e trabalhar em qualquer país da Europa, inclusive em Portugal.

A questão é que cada país tem sua própria lei para atribuição de cidadania, então aconselho que você pesquise no consulado do seu País para saber se tem direito mesmo e como faz para adquirir. Aqui tem um guia de como tirar a cidadania portuguesa.

Aposentado ou pessoas que vivem de rendimentos.

idosos alegria

 

Se você é aposentado como eu, ou vive de rendimentos (de aplicações financeiras, ou até de imóveis), Portugal tem uma lei para te receber como residente!

Já postei aqui anteriormente dando várias dicas, leia: https://wordpress.com/post/oterceiroato.com/2402, ou veja aqui (euro dicas) Como viver em Portugal depois de aposentar .

Fonte: http://www.eurodicas.com.br/como-morar-em-portugal/

A MELHOR IDADE E AS FINANÇAS.

relax

“A vida não pode ser economizada para amanhã. Acontece sempre no presente”. Rubem Alves.

Sempre é bom aprender o que fazer com o nosso dinheiro. Leia estas dicas:

Dicas imperdíveis para pessoas com mais de 60.

Já reparou como, atualmente, a palavra idoso perdeu um pouco o sentido? Hoje em dia, considerar algumas pessoas de 60 e poucos anos como idosas pode parecer uma grande bobagem. Muita gente que já passou da sexta década continua ativa, antenada e participando regularmente, inclusive, do mundo digital.

E muitas ideias mudaram também. Foi-se o tempo, por exemplo, em que a melhor forma de economizar era guardar o dinheiro debaixo do colchão. As opções de investimento atuais já vão muito além da poupança. E quem está na melhor idade também pode se beneficiar dessas alternativas mais vantajosas para garantir sua segurança financeira e o futuro de seus entes queridos. Veja só:

– Qual a melhor aplicação financeira para pessoas da melhor idade?

finanças

Se você já tem uma reserva financeira, guardá-la na poupança pode não ser a melhor opção, atualmente. No cenário de inflação crescente que o país apresenta, é mais aconselhável buscar opções com rendimentos maiores, que compensem a alta de preços.

Diante da alta de juros, uma boa dica para este ano é aplicar o dinheiro no Tesouro Direto, um tipo de aplicação em títulos do governo. Assim como a poupança, a aplicação no Tesouro é de perfil conservador, mas seu rendimento é superior, de 12 a 25% ao ano. Uma das modalidades mais seguras do mercado, aliás, é o Tesouro Selic.

Outra vantagem para a pessoa da melhor idade que decide aplicar suas reservas no Tesouro é a liquidez diária. Se houver alguma conta de emergência a ser liquidada ou algum problema, diariamente é possível resgatar o dinheiro aplicado, com os devidos rendimentos.

Uma boa alternativa também pode ser o RDC – Recibo de Depósito Cooperativo – exclusivo para associados da modalidade cooperativa (de instituições financeiras cooperativas), esse tipo de investimento, lastreado em papéis de renda fixa, também conta com liquidez diária (mas quanto maior o prazo de aplicação, menor a incidência de Imposto de Renda e IOF), além de ser de baixíssimo risco e ter rendimentos acima da poupança (cerca de 12% a.a.).

Quem investe em RDC ainda conta com uma vantagem que só uma cooperativa financeira pode proporcionar: a aplicação pode servir de base para a distribuição de sobras. Ou seja, quanto mais você investe no RDC, maior pode ser a sua participação nos resultados da cooperativa.

– Imóveis continuam sendo um investimento seguro?

finanças 3

Você tem patrimônio, mas não tem reserva financeira? Será que vale a pena continuar aplicando em imóveis?

Imóveis continuam sendo um investimento seguro e de baixa liquidez. Mas o rendimento de aluguel, hoje, está bem inferior ao rendimento do sistema financeiro. Para se ter uma ideia o rendimento de aluguel chega em média a 0,4% ao mês.

Entre 2005 e 2012, a taxa anual de valorização do imóvel corrigia um preço que estava muito depreciado antes desse período. Desde então, não há previsão de que o desempenho do aluguel seja complementado pela valorização imobiliária, a qual não tem mostrado muitas tendências de elevação no curto prazo. Ou seja, o retorno do investimento em imóveis não tem previsões de crescimento. E opções mais rentáveis, como mencionado acima, podem ser as aplicações em títulos do Tesouro Direto ou em RDC. Dependendo dos seus objetivos, vale a pena considerar essas alternativas.

Mas é claro que muitas pessoas mais experientes sentem-se mais seguras com o investimento imóvel, assim, paradinho mesmo, talvez pela própria dificuldade de dispor do dinheiro e de gastá-lo. Vale a pena avaliar sua situação específica. O dinheiro em si pode render mais em aplicações financeiras (que, assim como os imóveis, também podem ser deixadas de herança, por exemplo). Mas se você prevê que o investimento vai se diluir, pode ser melhor manter um lucro menor do que acabar com a reserva.

– Qual a melhor forma de investir no futuro dos filhos e netos?

finanças 2

Quem já chegou à melhor idade pode ter interesse em investir no futuro dos filhos ou na educação dos netos. Mas qual a melhor maneira de fazer isso?

Se você tem alguma reserva financeira, uma boa opção de investimento de longo prazo pode ser uma previdência privada. A aplicação conta com juros compostos, assim, pode render, ao final de determinado tempo, ainda mais do que foi aplicado. Essa pode ser uma boa alternativa para quem quer financiar os estudos dos netos, por exemplo, ou deixar para os filhos uma renda extra.

– O que fazer em caso de dívidas?

Aposentei

Ao longo da vida, o acúmulo de experiência nem sempre vem acompanhado do acúmulo de bens ou de dinheiro. Pesquisas revelam que tem aumentado o número de brasileiros com mais de 60 anos em situação de inadimplência. Se esse é o seu caso, é hora de se organizar.

Descubra o real tamanho do problema, tente renegociar com seus credores, reveja seu orçamento para saber onde pode cortar e economizar e, se necessário, busque alternativas de crédito de baixo custo, como o crédito consignado, disponível para aposentados e pensionistas. Neste caso, vale a pena conferir as menores taxas oferecidas por cooperativas financeiras. Saiba mais aqui Mas planeje-se bem para não se enrolar mais com as contas.

– DICA EXTRA: como auxiliar os mais idosos com as finanças?

Se você perceber uma dificuldade e quiser ajudar alguém mais idoso, não se coloque numa postura superior. Lembre-se que o idoso, inclusive, tem mais experiência que você em muita coisa. Não tente dizer o que ele pode ou não pode fazer. Mostre sua vontade de cooperar com o bem-estar do idoso, em iguais condições. Cuide bem melhor do seu dinheiro, sempre!

Fonte: http://www.oseudinheirovalemais.com.br/a-melhor-idade-e-as-financas/

OS 10 MELHORES PAÍSES PARA OS APOSENTADOS…

Aposentei

“A palavra aposentar não é sinônimo de ‘envelhecer’ e sim um dos sintomas de vencer”. Márcia Pitta.

Após anos de prestação de serviço e experiência profissional, finalmente, a tão sonhada aposentadoria chega. Pensando na atual conjuntura… melhor seria envelhecer em outros países. Dúvidas surgem… Mas, será que, de fato, existem países que possuem uma qualidade de vida melhor para envelhecer? Leia:

Melhores países para envelhecer com saúde e tranquilidade

A primeira posição ficou com o Panamá, que alcançou uma nota de 93.5 numa escala que vai de 0 a 100. Equador (92.4), México (89.3), Costa Rica (88.4), Malásia (87.8), Colômbia (87.7), Tailândia (84.8), Nicarágua (84.2), Espanha (83.6) e Portugal (82.9) completam o top 10.

relax
O ranking é montado por uma rede de correspondentes e colaboradores da revista espalhados pelo mundo, levando em consideração uma série de características que vão tornar a vida do aposentado mais agradável no novo país.
Para a elaboração da lista de 2016, foram considerados 10 critérios: Valor de imóveis para compra ou aluguel, benefícios fiscais e descontos para aposentados, vistos de residência, custo de vida, facilidade de adaptação, entretenimento para aposentados, sistema de saúde, estilo de vida saudável, infraestrutura e clima.
” Esse ranking é o melhor recurso para ajudar alguém a encontrar o seu paraíso ideal para curtir a aposentadoria”, afirma Jennifer Stevens, diretora executiva da “International Living”.
idosos alegria     _1 IDOSOS FELIZES GRANDE 2

Vistos e impostos

Uma das estratégias mais populares para atrair aposentados é a criação de categorias especiais de vistos –com burocracia menor que a de um processo convencional– e a redução de impostos.
Primeiro colocado no ranking publicado na última semana, o Panamá oferece um visto permanente a aposentados, que ainda garante diversos tipos de descontos em bens e produtos.
Outros países latino-americanos, como Costa Rica e México, também fornecem vistos de longa duração com pouca burocracia, geralmente exigindo apenas a comprovação de que o estrangeiro recebe pensão em seu país de origem.
Segundo lugar geral e país sul-americano mais bem colocado na lista da International Living, o Equador se destaca pelos benefícios fiscais que concede aos aposentados.
“Como cidadão sênior você pode ser reembolsado em até US$ 204 (cerca de R$ 822) por mês só com impostos que estão incluídos em produtos, e ainda possui planos especiais em bancos e supermercados, por exemplo”, explica Edd Staton, correspondente da revista.

Portugal atrai brasileiros

A Portugal

Na 10ª colocação, Portugal se tornou nos últimos anos um local atrativo para os aposentados brasileiros. A facilidade do idioma e as proximidades culturais estão entre os fatores que despertam interesse, mas os incentivos fiscais também não podem ser descartados.
Há cerca de três anos, o governo luso criou o programa de RNH (Residente Não Habitual), que garante aos aposentados estrangeiros a isenção de impostos por 10 anos no país europeu.
Para receber o benefício, é preciso alugar ou comprar um imóvel e residir por pelo menos 180 dias por ano em Portugal. Também é necessário que o solicitante não tenha residido em território português nos cinco anos anteriores ao pedido.
Portugal também tem um visto de residência especial para aposentados, que pode ser solicitado em seus consulados no Brasil.
Para que o pedido seja aprovado, é necessária uma renda mensal comprovada de ao menos um salário mínimo português, que em 2016 subiu para 530 euros (R$ 2,3 mil). Para casais, deve ser acrescido o valor de meio salário –795 euros (R$ 3,4 mil).
Na lista elaborada pela International Living, Portugal se destacou nos critérios infraestrutura, clima, estilo de vida saudável e sistema de saúde.
Apesar de o país fazer parte da zona do euro, o custo de vida também foi bem avaliado, mas pode desencorajar os brasileiros por causa da atual baixa cotação atual do real em comparação com outras moedas.

Moeda fraca

Euro rela dolar

A desvalorização do real em relação ao euro foi o que forçou o engenheiro mecânico brasileiro Paulo Lima, 68, a adiar o sonho de aproveitar a aposentadoria em Portugal, depois de anos planejando a mudança.
” A cotação atual do euro a R$ 4,33 e a previsão de que pode ultrapassar os R$ 5 ao final de 2016 inviabilizam minha mudança por agora, especialmente porque ainda teria de pagar imposto para transferir o dinheiro todos os meses para uma conta portuguesa”, conta Lima à BBC Brasil.
Para o engenheiro aposentado, que vive em Vitória (ES) e pretende se mudar com a mulher e uma filha, a perspectiva de uma rotina mais segura e com mais atrações culturais justifica o desejo de atravessar o Atlântico.
” Imagino que ser aposentado na Europa permite uma melhor qualidade de vida, principalmente no aspecto segurança e cultural. Esses são os motivos que mais me incentivam a iniciar uma nova vida fora do Brasil”, explica.
O Índice Global de Aposentadoria oferece uma solução alternativa aos aposentados brasileiros que não estão dispostos a encarar a disparidade atual com o euro, mas querem experimentar a experiência de morar em outro país.
Quatro países sul-americanos estão entre os 23 do ranking da International Living. Além de Equador e Colômbia, que figuram no top 10, estão presentes Peru e Uruguai, 15º e 18º colocados, respectivamente.
Segundo a avaliação da revista americana, os países vizinhos do Brasil têm como principais atrativos custo, clima, infraestrutura e estilo de vida saudável.
Além de serem mais baratos e da proximidade geográfica, esses quatro países fazem parte do Acordo sobre Residência do Mercosul, que garante o direito de moradia e de trabalho aos cidadãos brasileiros sem a necessidade de passar por processos burocráticos e dispendiosos.

Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2016/01/10/hora-de-curtir-a-vida-conheca-os-melhores-paises-para-se-viver-apos-a-aposentadoria.htm