O QUE É VIVER BEM”, por Cora Coralina

CORA CORALINA 1

“O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher”. Cora Coralina

Todo mundo tem sua definição do que é viver bem, e Cora Coralina tinha a sua. Famosa por ser poetisa e contista, a goianiense Cora Coralina (1889-1985), ou Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas, autora de “Poemas dos Becos de Goiás e Estórias Mais” e “Meu Livro de Cordel”, também foi doceira, vendedora de livros, produtora e vendedora linguiça caseira e de banha de porco, e chegou a gravar um disco.

Na sua receita particular de viver bem está à leitura, a autenticidade, o sorriso e não dizer que está velha, nem que está doente, e tampouco que não ouve bem. Espirituosa, ela também viveu suas buscas e, aos 50 anos, experimentou uma profunda mudança interior que classificou como “a perda do medo” (Wikipedia). Foi a partir dessa ocasião que ela deixou o nome Ana Lins de lado e adotou Cora Coralina, tornando-se escritora. Abaixo, a Crônica “O QUE É VIVER BEM”, por Cora Coralina.

CORA CORALINA 3

“Eu não tenho medo dos anos e não penso em velhice. E digo prá você, não pense.

Nunca diga estou envelhecendo, estou ficando velha. Eu não digo. Eu não digo estou velha, e não digo que estou ouvindo pouco. É claro que quando preciso de ajuda, eu digo que preciso.

Procuro sempre ler e estar atualizada com os fatos e isso me ajuda a vencer as dificuldades da vida. O melhor roteiro é ler e praticar o que lê.

O bom é produzir sempre e não dormir de dia.

CORA CORALINA 5

Também não diga prá você que está ficando esquecida, porque assim você fica mais.

Nunca digo que estou doente, digo sempre: estou ótima.

Eu não digo nunca que estou cansada. Nada de palavra negativa. Quanto mais você diz estar ficando cansada e esquecida, mais esquecida fica. Você vai se convencendo daquilo e convence os outros. Então silêncio!

CORA CORALINA 6

Sei que tenho muitos anos. Sei que venho do século passado, e que trago comigo todas as idades, mas não sei se sou velha não. Você acha que eu sou?

Posso dizer que eu sou a terra e nada mais quero ser. Filha dessa abençoada terra de Goiás.

Convoco os velhos como eu, ou mais velhos que eu, para exercerem seus direitos. Sei que alguém vai ter que me enterrar, mas eu não vou fazer isso comigo.

Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes. O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade.

CORA CORALINA 7.jpg

Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça.    Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. `.       Faço o que devo fazer, com amor.

Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende.”

CORA CORALINA 4

“Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.”

Fonte: http://www.contioutra.com/o-que-e-viver-bem-por-cora-coralina/

DESAPEGAR (DE TUDO) É PRECISO!

“A vida é feita de escolhas. Quando você dá um passo à frente, inevitavelmente alguma coisa fica para trás…”    Caio Fernando Abreu

desapego 2

A primeira e mais difícil decisão já foi tomada, seja por sua parte, ou seja, por parte dele… ou de ambos, como no meu caso: o término… a separação. Um grande alívio! Agora é a hora de “desapegar” e começar uma nova vida. Para meus filhos e somente em respeito á eles, quis deixar uma caixa com todas as fotos e o meu diário de memórias… é muito importante já que eles também foram parte de uma história que termina na qual foi de onde eles nasceram… é a história deles também e poderão querer revisitar mais tarde… Só então fechei meu livro e segui em frente… sem nunca mais olhar para traz.

desapegar 4

Desapegar é necessário sim. Não me refiro ao “desapego” pela pessoa, mas sim pelas lembranças e memórias, o que é bem mais complicado. É difícil passar por determinados lugares e não se lembrar da pessoa ou de algum momento engraçado que ali foi vivido ou mesmo, apenas um caminho rotineiro de vocês. Isso é natural no início, mas aos poucos estas lembranças vão se espaçando e o melhor vão deixando de existir. Tudo passa!

desapego em movimento

Para quem morava junto, acho que o primeiro passo seria se mudar. Parece radical, mas é a forma mais eficaz de eliminar de vez um lugar que lhe trará toda hora alguma lembrança. Para quem não tem condições de fazer isso, a solução seria uma “repaginada no visual” da casa. Mudei meus móveis de lugar, pintei com uma nova cor todos os cômodos da casa e mesmo com um orçamento apertado, comprei novos enfeites e alguns novos quadros. Terminar o que esperava para ser feito á anos foi o que me deu maior prazer, junto com meu filhos conseguimos.  Como uma boa virginiana, sempre fui uma pessoa que termina tudo que começa á fazer. Não deixo nunca nada mal feito ou sem terminar. É impressionante perceber como estas pequenas mudanças de um modo geral, foram capazes de modificar completamente o visual e a energia de todo o lugar… e isso nos fortalece mais.

doar mudança3

Outra boa solução é dar fim aos presentes e objetos da pessoa. Você deu um prazo para ele buscar os pertences dele. Se em até dois meses ele não pegou é porque não faz falta para ele né. Então doe! Com certeza terá muita gente que achará utilidades para esses objetos esquecidos. Mas caso você esteja precisando de uma verba extra para a reforma  da casa, conforme sugerimos acima, super recomendo o site Enjoei. Venda!

casa Simpatia-para-comprar-casa-1

Agora que você já está de casa repaginada com novas energias e se livrou dos cacarecos do outro, vem o restabelecimento da sua vida social.

Restabeleça contatos com seus velhos amigos… faça novos cursos… inicie uma atividade diferente… visite museus… vá á shows e ao teatro… cultive Hobbies… viaje… viaje mais… enfim conheça novas pessoas…

Esta é a melhor parte de tudo, voltamos a descobrir muitas coisas novas e vivemos em paz e mais felizes…  Vivemos com mais qualidade e intensidade. Viver é sim maravilhoso!

desapego voar

Sua cidade é muito grande e bacana e com certeza tem milhares de lugares ótimos para se conhecer. Procure na internet… veja dicas com seus amigos… ou nas revistas… quais são os melhores lugares atuais que você ainda não conhece e vá visitar. Você não precisa continuar frequentando os mesmos lugares de antes, só para ter a certeza que quando você menos esperar, topará com o ex por lá. Desnecessário, né?! Liberdade é muito bom.

desapego  11

Então agora é a hora de vestir sua camiseta de aventureira e descobrir uma nova cidade dentro da sua própria cidade. Além de mudar o habitat, essa atitude é uma boa alternativa para conhecer pessoas fora do seu atual ciclos de amigos e assim expandir seus contatos e as chances de conhecer um novo prospect.

desapego amor

O meu maior encantamento foi (re) descobrir tudo o que me dava prazer… passar por uma infinidade de novas experiências divertidíssimas e que aos poucos foram me transformando… Descobri-me então uma nova mulher.

E vocês, o que sugerem de dicas para a gente acrescentar aqui nessa listinha pró-desapego? Compartilhe conosco…

Texto  baseado nesta fonte:  http://regandoplantinhas.com.br/2015/11/09/desapegar-de-tudo-e-preciso/ …. e acrescido de coisas minhas…

E ELES AQUI “NÃO” FORAM FELIZES PARA SEMPRE… MAS DEPOIS… COMEÇAVA ENTÃO UMA LINDA HISTÓRIA DE AMOR…

“Agradeço pelo meu primeiro fracasso, se não fosse por ele, eu jamais teria crescido e mudado minha vida para melhor”. Bia Perez

 eu pensativo

O dia que o meu castelinho de areia ruiu… lembro que chorei muito… eu achei que o meu mundo tinha acabado!!!

separação 14

Mas depois que a tempestade passou… foi então que eu descobri que existia um mundo melhor… mas muito melhor mesmo… e diferente de tudo que eu já conhecia até aquele momento… um mundo muito mais feliz!!!

Eu agora deixava de ser aquela menininha grande que parecia indefesa… e me descobria por inteiro… Começava a minha transformação… Adormecida por muito tempo… Nascia aqui então uma grande mulher!!!

A maioria de nós assim como eu, só saiu da zona de conforto quando foi arrancada do seu “castelinho de areia” onde vivia no seu mundo da carochinha… e assim como num conto de fadas eu acreditava na história de que “e eles viverem felizes para sempre”… era verdadeira! Foi um parto difícil e necessário… tipo com fórceps mesmo… mas este momento difícil me foi libertador.

separacão estrada

No momento do termino de uma relação, em especial as de longa data…  a maioria de nós sentem-se muito sozinhas, perdidas, culpadas… e muito triste… Parece que o nosso mundo acaba ali. Tudo parece que desabou (e no fundo desabou mesmo)… mas não acabou… muito pelo contrario, foi para você reconstruir um outro mundo… Agora com alicerce muito mais forte e indestrutível.

“A vida nos cobra todos os dias posturas, conceitos e decisões infinitas, mesmo estando indecisos ou fragilizados, isso não importa. O importante é termos consciência de que cada coisa tem o peso que dermos para ela. Com o tempo fui adquirindo a agilidade e a força para me desligar da questão”. Fiz minha escolha, tomei a decisão e fechei o livro! Nascia aqui uma nova etapa na minha vida.

eu feliz 11

Cada um tem um tempo, pro seu luto… Pra se reerguer!!! É só uma questão de tempo! Mas quando tudo termina e refletimos melhor sobre todos os acontecimentos… vamos mudando… e amadurecendo… Só mais tarde percebemos claramente o quanto foi bom e necessário ter acontecido este rompimento…

separação encruzilhada

“E podemos estar certos que tudo que nos aconteceu, mesmo as piores experiências vieram para nos desafiar  e nos fortalecer. Tudo isso nos tornam pessoas melhores e mais capazes de enxergarmos e fazermos uma vida melhor”!

Aprendemos muito com as nossas experiências…  e sabemos agora muito bem o que queremos e não pra nós… A cada dia que vivo aprendo mais com a vida…

 eu feliz 10

Isso tudo nos fará crescer como pessoa…  descobrir nossa verdadeira identidade… e sobretudo como ”mulher”… surge aí uma nova mulher…  E que mulher! Vamos nos redescobrindo por inteiro… sabendo quem realmente somos! Esta é a melhor parte de tudo!

E acredite tudo vai passar!!! Sempre passa! O melhor de tudo é que nem vamos nos lembrar mais deste tempo… do tempo que vivíamos neste mundo da fantasia.

Segui em frente sem olhar pra traz… restabelecida e repaginada… e continuei a acreditar principalmente no amor… sabendo que se relacionar é uma arte maravilhosa… e que tem que ser regida com maestria… Aprender a relacionar-se… saber como conviver com o outro, sim isto tem que ser aprendida e conquistada no dia a dia.

Avião idoso feliz 8

Devem vir alimentada com mimos e cuidados… cheia de amor e carinho… muitos beijos e abraços…. não podem faltar nunca o diálogos… a tolerância… o saber ceder as vezes…  o compartilhar tudo com muita  “paciência”… esta é a minha maior virtude… a “paciência’ e principalmente o respeito! Reconstruí sim a minha família…  e construí uma nova e enorme família á seguir!

felizes

Sou hoje uma mulher independente, madura, otimista e resiliente … Sonho e realizo!!!  Tenho muitos projetos de vida… Faço as coisas acontecerem… Do jeito que acredito ser melhor para mim e o meu marido… para meus filhos e os nossos filhos… ou seja, para  toda a nossa família.

maos

Hoje acredito que sou capaz de enfrentar qualquer problema que venha pela frente… Renovada e de bem com a vida… Tenho sempre os pés no chão…  Acredito muito mais em mim!!! Construo e reconstruo tudo… “levantei sacudi a poeira e dei a volta por cima”… Esse renascimento foi transformador e libertador. Acredito que me tornei uma mulher melhor, muito mais segura… mais forte…  e bem mais feliz.

eu feliz 1

Por isso amigos tentem enfrentar todos estes momentos com muita força e a coragem necessária… Se dê um tempo para absorver tudo… Acreditar em nós mesmo é um bom começo. Permitam que seja relegado ao plano de fundo ou mesmo que saia do palco da sua vida histórias de fantasia e abram-se para o mundo… construindo uma nova pagina na sua vida.

19 CONSELHOS PARA DEPOIS DOS 60

Acredito que depois dos 60 anos, podemos repensar uma série de questões, conheça as “19 Regras Básicas” que podem mudar nossa vida, são excelentes!

idoso feliz 1

  1. É hora de usar o dinheiro que você economizou toda sua vida.
    Usá-lo agora e não guardá-lo para que não desfrutem os que não conhecem o sacrifício de havê-lo conseguido, geralmente pessoas que nem sequer são da família: genros, noras, sobrinhos. Recorde-se que não há nada mais perigoso que um genro com ideias. Cuidado: não é época para aplicações por maravilhosas que pareçam, estas só lhe trarão angustias e esta época é para ter muita paz e tranquilidade.
    2. Deixe de preocupar-se com a situação financeira de filhos e netos.
    Não se sinta culpado de gastar seu dinheiro consigo próprio. Provavelmente, você já lhes ofereceu o que foi possível na infância e juventude como uma boa educação. Agora, portanto, a responsabilidade é deles.
    3. Já não é época de sustentar a ninguém de sua família.
    Seja um pouco egoísta, mas não usurário. Tenha uma vida saudável, sem grandes esforços físicos. Faça exercícios físicos moderados (por exemplo, andar regularmente) e alimente-se bem.
    4. Compre sempre o melhor… no final é tudo para você.
    Recorde-se que nesta época, um objetivo chave é gastar o dinheiro com você, com seus gostos e caprichos e os de sua parceira. Depois de morto o dinheiro só gerará ódios e rancores. Nada de angustiar-se por pouca coisa. Na vida tudo passa, sejam os bons momentos que devem ser recordados, sejam os maus que devem ser rapidamente esquecidos.
    5. Independentemente da idade, mantenha vivo o amor sempre.
    O amor à sua parceira, o amor à vida, o amor ao teu próximo.
    6. Esteja sempre limpo, tome um banho diariamente.
    Seja vaidoso. Frequente o barbeiro, faça as unhas, vá ao dermatologista, ao dentista, use perfumes e cremes com moderação. Mesmo que agora você não seja elegantíssimo, seja pelo menos bem-cuidado. Esteja de bem consigo mesmo.
    7. Nada de ser muito moderno, tente ser clássico. É triste e dá pena ver gente idosa com penteados e roupas feitas para jovenzinhos. Escolha com cuidado.
    8. Mantenha-se sempre atualizado.
    Leia livros e jornais, ouça o rádio, veja bons programas na TV, visite a internet com boa frequência, envie e responda “e-mails”, utilize-se das redes sociais, mas sem afobação… nem criar vício com elas.
    9. Respeite a opinião dos jovens apesar de que às vezes podem estar equivocados.
    Muitos deles estão melhor preparados para a vida do que nós estávamos quando tínhamos a sua idade.
    10. Jamais use a expressão “Em meu tempo”.
    Seu tempo é hoje, não se confunda!!! Está certo recordar o passado, mas com nostalgia moderada e feliz de havê-lo vivido. Viva o agora plenamente!
    11. Não caia na tentação de viver com os filhos ou netos.
    Ainda que de vez em quando vá alguns dias como convidado, respeite a intimidade deles, mas especialmente a sua. Se lhe falta sua companheira, consiga logo uma empregada que o acompanhe e colabore com as tarefas de casa e só tome esta decisão quando não puder dar mais conta de si ou que o fim esteja bem próximo.
    12. Pode ser muito divertido conviver com pessoas de sua geração.
    E o mais importante, não dará trabalho a ninguém. Mas aproxime-se de gente positiva e alegre, nunca com “velhos amargurados”. Otimismo é muito importante em qualquer época da vida, especialmente agora.
    13. Cultive um passatempo.
    Pode viajar caminhar, cozinhar, ler, dançar, criar um gato, um cão, cuidar das plantas, jogar cartas, golfe, navegar pela internet, pintar, ser voluntário em uma ONG, ou colecionar algo. Faça o que gosta e o que seus recursos permitam. Começo já.
    14. Aceite todos os convites.
    De batizados, colação de grau, aniversários, bodas, conferências… Visite museus, vá ao campo… o importante é sair de casa por um tempo. Mas não se aborreça se não lhe convidam porque às vezes não se pode. Com certeza quando você era jovem tampouco convidava seus pais para TUDO.
    15. Fale pouco e escute mais.
    Sua vida e seu passado só interessam a você mesmo. Se alguém lhe perguntar sobre estes assuntos, seja breve e procure falar de coisas boas e agradáveis. Conte com otimismo. Jamais se lamente de algo.  Fale em tom baixo e com cortesia. Não critique nada, aceite as situações como elas são. Tudo é passageiro.
    16. As dores e as doenças estarão sempre presentes.
    Não as torne mais problemáticas do que são, falando sobre elas. Trata de minimizá-las. Afinal, elas afetam somente a você e são problemas seus e de seus médicos. Lastimando-se nada conseguirá, asseguro.
    17. Ria, ria muito, ria de tudo.
    Você tem sorte, você teve uma vida, uma vida longa e a morte será apenas uma nova etapa incerta, assim como foi incerta toda a sua vida.
    18. Não se preocupe do que digam, menos ainda do que pensem de você.
    Se alguém lhe disse que agora você não faz nada de importante, não se preocupe. O mais importante você já fez: você e sua história, boa ou má, já passaram. Agora trata-se de passar uma fase, a mais dourada, aprazível e feliz que lhe seja possível. Viva com plenitude!
    19. Permaneça apegada a religião apenas o necessário, não mais.
    Rezando e implorando todo o tempo como um fanático, nada conseguirá. Se você é religioso, vivencie intensamente, porém sem ostentação. O bom é que “em breve, poderá fazer seus pedidos pessoalmente”… hehehehehe…..

 idoso feliz 8

           E lembre-se: “SOMOS O QUE FAZEMOS, MAS SOMOS, PRINCIPALMENTE, O QUE FAZEMOS PARA MUDAR O QUE SOMOS!”

Fonte: http://cvssemprejovens.blogspot.com.br/