SOU FEITA DE CICATRIZES E GRATIDÃO…

Sou feita de histórias que não deram certo, de frases sem ponto final, de reticências… Sou feita de uma porção de livros lidos pela metade… outros relidos várias vezes. Sou feita de humanidade. Carne, ossos e humanidade!

Todas as minhas histórias… algumas pela metade, (ou quase todas), me deixaram completamente inteira. Inteira de mim… de tudo que não desejo, de tudo que não tolero mais. Sei exatamente quando e o que.

Sou feita de sim, muitos deles. Mas, graças ao tempo, sou feita de não, mais ainda deles. Não ao que me fere, ao que me faz mal, ao que não me alimenta… ao que não tolero mais. Sou feita de construções e reconstruções. Sou feita de corpo, alma e histórias!

Sou feita de santos, budas e Iemanjás. Também sou feita de muita complexidade. Sou sonhos, sou desilusão. Ouso sonhar e acreditar. Não sou feita de basílicas, capelas, igrejas, sés ou conventos, mas sou todinha retalhada na fé.

Fé é o que me movimenta, é o que me levanta todos os dias, é o que seca minha alma depois do temporal. Fé é meu prato preferido. Fé é a roupa que mais me cai bem. Fé me acompanha sempre! Muita fé!

Sou feita de anseios, de preocupação. Sou feita de luz e escuridão. Sou feita de beijos, pele, conexão. Sou feita de amor, abraços e música clássica. Tudo pulsa dentro de mim. Sou feita de amor… muitas cores e sons!

Sou feita de detalhes que não me recordo bem (e de uma péssima memória). Sou feita de imensa facilidade em desculpar (outras nem tanto rsrsrs) mas de uma capacidade ainda maior em tentar esquecer ou compreender quem me machucou. Sou feita de esperança que em impulsiona pra frente!

Sou feita do amor dos meus pais, dos meus irmãos, da minha avó, do meu marido, dos meus filhos, enteados, dos meus netos e dos meus amigos. Sou feita do que já conquistei, mas, mais ainda de tudo o que perdi na vida.

Foi o que perdi que me manteve alerta. Foi o que aprendi na dor que me fez forte, firme e foi o que entendi do amor que me fez humana. Compreender, observar, amar, falar e ouvir fez parte de mim. Positivismo na vida, me impulsionou. Superei… resisti… construí e reconstruí novas histórias… Resiliente fui, sempre. Vivi e vivo em paz… de bem com o mundo é a vida!

Sou feita de cicatriz e gratidão!

Assim como Ju Farias também… sou feita assim…

DEIXEM-ME ENVELHECER.

Quero envelhecer exatamente assim como M.Concita Weber descreve… Feliz da vida! Quer ver só? Leia:

Deixem-me envelhecer sem compromissos e cobranças,

Sem a obrigação de parecer jovem e ser bonita para alguém,

Quero ao meu lado quem me entenda e me ame como eu sou,

Um amor para dividirmos tropeços desta nossa última jornada,

Quero envelhecer com dignidade, com sabedoria e esperança,

Amar minha vida, agradecer pelos dias que ainda me restam,

Eu não quero perder meu tempo precioso com aventuras,

Paixões perniciosas que nada acrescentam e nada valem.

Deixem-me envelhecer com sanidade e discernimento,

Com a certeza que cumpri meus deveres e minha missão,

Quero aproveitar essa paz merecida para descansar e refletir,

Ter amigos para compartilharmos experiências, conhecimentos,

Quero envelhecer sem temer as rugas e meus cabelos brancos,

Sem frustrações, terminar a etapa final desta minha existência,

Não quero me deixar levar por aparências e vaidades bobas,

Nem me envolver com relações que vão me fazer infeliz.

Deixem-me envelhecer, aceitar a velhice com suas mazelas,

Ter a certeza que minha luta não foi em vão: teve um sentido,

Quero envelhecer sem temer a morte e ter medo da despedida,

Acreditar que a velhice é o retorno de uma viagem, não é o fim,

Não quero ser um exemplo, quero dar um sentido ao meu viver,

Ter serenidade, um sono tranquilo e andar de cabeça erguida,

Fazer somente o que eu gosto, com a sensação de liberdade,

Quero saber envelhecer, ser uma velha consciente e feliz!!!

HERANÇA DO AMOR. MÃES E FILHOS…

Quando penso nos meus filhos, já adultos agora, penso em quantas coisas passamos juntos. Aprendi e aprendemos juntos uma infinidade de coisas. Sonhar e correr atrás fizemos e fazemos até hoje. Cada um com suas famílias voaram pra longe, muito longe… mas nunca longe do coração. Moram aqui dentro, vivem lá no fundo. Quando podemos ficamos mais pertinho e tudo fica muito intenso. Hoje no “dia das mães” penso em tudo que construímos juntos e percebo a grande herança que tenho do meu legado. Um feliz Dia das Mães pra todas vocês. E você? O que você herdou dos seus filhos?

Eu herdei paciência
Capacidade de suportar desorganização e caos;
Frieza pra lidar em situações críticas, como fraturas e cortes com sangue jorrando;

Herdei “desnojo” para limpar vômito e caca, e comer biscoito babado;
Herdei medo de morrer;
Medo de trânsito;
Medo da noite;
E o único medo de perder verdadeiro;
Mas herdei coragem também
Muita;

De um, herdei a necessidade de desacelerar;
De outro, herdei atenção difusa;
E de outro, sagacidade para responder questões difíceis;

Eu herdei vontade de montar árvores de natal, de aprender a fazer bolo de festa e assistir desenho animado;
Herdei a capacidade de fazer remédio a partir de beijo, desespero e lágrimas;

Eu herdei rugas, varizes, olheiras e estrias;
E as gargalhadas mais incríveis;
Herdei emoções colhidas nas coisas mais bobas;

Herdei força sobre-humana;
Herdei sentidos mais apurados;
Herdei um grito que se acha poderoso o suficiente para parar um trem;
Herdei uma capacidade ilimitada de sentir culpa;
E o cacoete irremediável de sempre olhar quando alguém grita “mãe”;

Este texto foi atribuído a Rita Almeida.

PARA MULHERES MADURAS CONSELHOS DE UM MÉDICO.

Aconselhamento de um médico para mulheres em 2020… Achei muito interessante. Um médico decidiu compartilhar algumas palavras de aconselhamento para as mulheres via WhatsApp. O conselho é simples e direto. Compartilhe com todas as mulheres por aí para que elas possam ficar mais saudáveis e melhores em 2020. Agora com a #quarentena do #coronavírus, ficar em casa se tornou a nossa melhor e única opção, quanto menos stress, melhor será pra nós, principalmente neste período de confinamento. Portanto relaxe… e aproveite pra se autoconhecendo melhor. Seja sua melhor companhia.

  1. Neste tempo atual, onde estamos confinados em casa, afetados pelo coronavírus… a “higienização das mãos” tornam-se essenciais e uma norma para a nossa segurança e de seus familiares. Use Álcool gel na impossibilidade de usar água e sabão. Desinfete com água sanitária tudo que usar fora de casa. Se proteja bem.
  2. Só saia de casa só por devida necessidade, e faça sempre toda a higienização conforme as orientações. Higienize tudo… sapatos, roupas, celulares, chaves… que voltou com você para casa, e separe. Evite aglomerações. Mantenha uma distância de 2 m da outra pessoa. Respeite você e as outras pessoas.
  3. Você não pode terminar todas as tarefas da casa em um dia. Crie “rotinas leves” e bem distribuídas pelos dias da semana pro seu dia a dia ficar melhores. Aqueles que o fizeram muita coisa junta ao mesmo tempo, estão estressadamente doentes e alguns já estão enterrados. Tenha um tempo pequeno pra cada atividade, variando na semana e nos períodos…
  4. Por favor, crie um “tempo para descansar” e relaxar… não é pecado sentar, colocar as pernas em cima da mesa e pegar pipoca enquanto assiste TV. Não fique assistindo notícias o tempo todo, isto pode causar stress, escolha um horário só pra se atualizar do que está acontecendo. A ociosidade faz bem a todos. Relaxe!
  5. Por favor, durma bem pelo menos 7 horas ou o necessário, para que a dor de cabeça vá. Crie um ambiente gostoso e prazeroso pra relaxar. Crie ritual e tire de perto tudo que pode atrapalhar. Aqueles que se recusam a parar um pouco… a tirar férias, pra sair da sua rotina, ou a descansar com suas famílias algumas vezes por ano… sentirão falta deste tempo no futuro.. Permita-se parar um pouco.
  6. Pare de tomar sedativos para dormir, você está destruindo seu cérebro e órgãos. Em um ponto, você começará a esquecer as coisas. Relaxe o cérebro, se preocupe menos, pense menos, ria mais, sorria mais… aprenda a meditar, respirar calmamente e melhor. Tudo vai passar com o tempo.
  7. Às vezes, sente-se do lado de fora da casa, no jardim, no terraço… ou olhe na janela em silêncio por conta própria, não diga nada, apenas admire a obra de Deus, respire ar fresco com calma. Aprecie a beleza do céu e da natureza ao seu redor. Não se apresse.
  8. Mantenha seu sorriso no espelho para si mesmo… ria, dance e cante, que ativa a memória positiva ao seu redor para que você possa brilhar. Se ame, antes de depender do amor de outros.
  9. Compre um lanche ou dois, faça uma comida diferente e beba um bom suco de uva ou uma taça de vinho. Se cuidem melhor com uma alimentação saudável e saborosa.
  10. Obtenha os aparelhos domésticos e use as tecnologias necessários para facilitar o seu trabalho e a sua vida, a fim de evitar o estresse e o cansaço desnecessário. O estresse é o maior assassino silencioso de mulheres.
  11. Se você não está se sentindo bem, diga algo, faça algo a respeito, vá ao centro de saúde, hospital ou chame uma enfermeira próxima, não fique esperando o marido comprar remédios. Ele pode voltar tarde, sua vida importa. Mas só vá ao PS se realmente necessitar.
  12. Verifique ocasionalmente a sua pressão arterial e o nível de açúcar, se você está doente ou não. Faça um checkup regularmente com seu médico e siga as orientações com presteza e atenção conforme solicitado… todo cuidado é importante. Isto já salvou muitas mulheres no passado. Confie em mim nisso.
  13. Leia livros e revistas, assistam a filmes e série… TV a cabo Netflix estão aí pra nos ajudar. Use e abuse da internet, das Redes Sociais e das interações com WattsApp… Faça pipoca, tome um chá ou um café… A distração é muito importante.
  14. Abuse dos delivery’s compre comida, roupas, artigos de beleza, bijuterias, farmácias, gêneros de limpeza e alimentação. Elas vieram pra facilitar nossas vidas.
  15. Aprenda com a internet, tem muitos cursos gratuitos de diferentes assuntos dando a possibilidade de aprendermos sobre muita coisa interessante. Busque algo que você goste e mais a abra.

BENDITOS SEJAM…

nao-leve-a-vida-tao-a-serioTem pessoas que entram em nossas vida, de repente… quase sem pedir licença e de mansinho (ou não)  vão ficando… puxam a cadeira, puxam conversa… sentam pertinho e escutam… viajam conosco… as vezes só um pouquinho, outras vezes pela vida inteira… Estão lá, quando a vida decide nos fazer encontrar ou  no  reencontrar…  Benditos sejam todos eles…  Gostei muito deste texto, de Edna Frigato…

“Benditos sejam os que chegam em nossa vida em silêncio, com passos leves para não acordar nossas dores, não despertar nossos fantasmas, não ressuscitar nossos medos.

Benditos sejam os que se dirigem a nós com leveza, com gentileza, falando o idioma da paz pra não assustar nossa alma.

Benditos sejam os que tocam nosso coração com carinho, nos olham com respeito e nos aceitam inteiros com todos os erros e imperfeições.

Benditos sejam os que podendo ser qualquer coisa em nossa vida, escolhem ser doação.

Benditos sejam esses seres iluminados que nos chegam como anjo, como flor ou passarinho, que dão asas aos nossos sonhos e tendo a liberdade de ir escolhem ficar e ser ninho.

Bendito sejam estes nossos Amigos…

Benditos sejam todos eles!!

BENDITOS SEJAM!!!

QUE MULHER EU SOU…

Como diz Martha Medeiros faço parte de uma nova geração de mulheres, sempre fortes e guerreiras… Gosto desta crônica dela:

Sempre que chega próximo ao “Dia Internacional da Mulher”, procuro fugir do discurso de vitimização que a data invoca. Não que estejamos com a vida ganha, mas creio que as mulheres já mostraram a que vieram e as dificuldades pelas quais passamos não são privilégios nossos: injustiça e violência são para todos.

Prefiro aproveitar a data, esse ano, para fazer um brinde à nossa importância não para a sociedade e a família, mas umas para outras. Assistindo ao delicado filme “Caramelo”, tive a sensação boa de confirmar que o tempo passa, os filhos crescem, os corações se partem, mas amigas ficam.

Como todos os filmes que abordam a amizade e a solidão intrínseca de toda mulher, Caramelho nos consola valorizando o que temos de melhor: a nossa paixão, a nossa bravura e o bom humor permanente, mesmo diante de tristezas profundas.

Precisamos de mulheres à nossa volta. Amigas, filhas, avós, netas, irmãs, cunhadas, tias, primas. Somos mais chatas do que os homens, porém, entre uma chatice e outra, somos extremamente solidárias e companheiras de farras e roubadas. Competitivas?! Talvez, mas isso não corrompe em nada a nossa predispoisção para o afeto, o nosso abraço na hora da dor.

Aprendemos a compartilha nossas virtudes e pecados e temos uma capacidade infinita para o perdão. Somos meigas e enérgicas ao mesmo tempo, o que perturba e fascina os que nos rodeiam.

Brigamos muito, é verdade: temos unhas compridas não por acaso.

Em compensação, nascemos com o dom de detecção do sagrado nas pequenas coisas, e é por isso que uma amizade iniciada na escola pode completar bodas de ouro e uma empatia inesperadapode estimular confidências nunca feitas. Amamos os homens, mas casadas, mesmo, somos umas com as outras.

TUDO PASSA!

Tudo passa. Tenha calma. No lugar da ferida se renova a pele, no lugar da dor se refaz o amor, no lugar da perda se refaz a esperança. E é pelas esperas que se refaz um coração. Tudo passa quando a gente se aquieta. Tudo se refaz quando a gente acredita…
Assim como Cecília Sfalsin eu tenho certeza que tudo passa!

EU QUERO MENOS!

“Eu quero menos! Menos distração e mais trabalho, menos ausências, mais persistência, menos complicação… mais descompressão. Menos receios e mais riscos, menos dito pelo não dito. Quero menos. Mais ação! Menos boas pessoas, mais comprometimento, menos ôba ôba, menos rompimentos! Mais seriedade, menos displicência, menos malevolência. Eu quero menos. Quero muito menos. Menos de mim e mais de nós, quero menos conversa, mais entrega – Porque gente que diz que faz há aos montes!” Assim como Marta Medeiros diz… EU QUERO MENOS! Pra ser feliz.

ENVELHECER ESTÁ SENDO BEM MELHOR DO QUE PENSEI…

Confesso que tive medo desta hora chegar. Parecia que ia demorar tanto, tava tão longe de mim, mas num piscar de olhos… lá estava eu com sessenta anos. Simplesmente assim!

Percebi que não mudei nada. Isso mesmo… nadinha de nada!!! Me senti igualzinha… ou melhor parece que trouxe uma certa leveza, uma paz grande, tipo calma na alma sabe… e veio junto a sensação de dever cumprido.

Está bem melhor do que eu pensei vivenciar este meu envelhecer…

Tudo passou tão rápido, que não deu nem pra perceber as tais mudanças ou o que a maturidade e a longevidade tem me trazido. Aconteceu assim aos pouquinhos.

Percebo de longe que é bem melhor do que eu pensava antes. Ainda bem… melhor assim rsrsrs.

Já não tenho mais tanta pressa. Saboreio melhor e com mais qualidade tudo que está ao meu redor. Faço tudo acontecer com intensidade.

Já não tenho o corpo da juventude, algumas limitações da idade vão surgindo aos poucos… o jeito é pensar melhor em como podemos fazer para melhorar… e seguir em frente, assim continuaremos muito bem obrigada.

Estou tomando certos cuidados que antes foram adiados… mas que agora se tornam imprescindíveis para o meu bem estar e o meu futuro.

Minha saúde passou a ser uma das minhas prioridades, afinal vamos precisar estar bem, não é?… Tratar bem nosso corpo, pra poder fazer tudo o que queremos… será necessário e assim se possível ultrapassarmos os 100 anos.

Agora eu só quero é viver com mais qualidade de vida, ser feliz e com muito mais prazer. Minha felicidade está sendo bem percebida por todos me cercam e mantida como prioridade.

Sim é possível! Se até agora não se preocupou com isto, assim como eu… agora é a hora de começar. Nunca é tarde! Arregacei as mangas e me joguei.

Requer sim algumas mudanças, não é tão difícil, mas atenção e “disciplina” e o “foco” são necessários daqui pra frente. Precisaremos mudar alguns coisas e velhos hábitos… Como? Tenho planejado mais e com antecedência as coisas, estou usando meu #wishplanner que ajuda muito.

Tenho tantas coisas pra fazer ainda que vou priorizar as que mais me agradam. Pra quem quiser vir comigo vou dar algumas dicas… Vem comigo:

Simplifiquei minha vida. Quero paz e amor. Viver é ser feliz!

Cuido melhor da minha saúde. Adiei até agora, tenho que confessar, mas hoje não dá mais. Pratico atividades físicas sim. Me movimento mais e mudei velhos hábitos alimentares, isto tudo tem modificado minha vida já. Comecei então a “caminhar” mais, a fazer o Pilates e o Tai Chi Chuan. Disciplina e frequência estão sendo necessários para obter um melhor resultado. Estou firme. Minha alimentação está mais equilibrada. Pouco sal e açúcar, menos frituras… Muitas frutas, fibras, legumes e proteínas. Carboidratos só o necessário e integral para dar mais energia. Sem exageros.

Melhorei a hidratação, tento beber (1 1/2 litros) mais água por dia. O melhor é ver os exames médicos estar melhorando. Anima muito.

Faço um checkup Médico regularmente, das especialidades necessárias que necessito e tento seguir “todas” as prescrições médicas. Sem me sabotar. Muito importante!

Participo ativamente (ideias/ projetos/ cursos/ imersões…) dos movimentos que acontecem em São Paulo sobre longevidade: #maturyjobs #trabalho60mais #maturiday #lab60+ #expolongevidade entre outros. Estou com a agenda cheia rsrsrs.

Convivo mais e melhor com meus pares. Me cerco de pessoas queridas. Marco cafés/almoços com velhas e novas amigas. Papeio, troco ideias, aprendo, troco experiências enfim coloco a conversa em dia. Mantenho minha “interação” ativada plenamente. Eu adoro participar do #café&prosa preparado mensalmente pela Rosângela da #it_avo, super indico.

Aprendo coisas novas sobre assuntos diversos que eu gosto: Artes/Fotografia/Línguas/ Dança/ Cultura/ Contos/ Escrita/ Informática/ Redes Sociais/ Caminhar pela cidade… Em 10 de fevereiro vão abrir as inscrições na USP para a terceira idade, já estou de olho sobre o que vou querer fazer este ano. Tem vários lugares também interessantes pra se aprender e ir. A maioria são de graça.

Me atualizo sobre as novas tecnologias desse mundo virtual que tanto estão fazendo parte do nosso dia a dia atualmente: como usar melhor a Internet, os smartphones e as redes sociais que são hoje uma das minhas prioridades. Tenho muito que aprender ainda.

Amo muito meu marido e minha família. São a melhor coisa que tenho na vida. Meu legado. Dou e recebo atenção. Ouço e falo. Conversamos sempre, refletimos sobre várias questões. Procuramos estar juntos sempre que podemos. Trocamos ideias. muitaaaaas conversar e risadas. Convivemos muito bem, obrigada! Colhemos o que plantamos. Eu plantei amor ❤️. Tento aparar as arestas pra arrumar a casa, sempre.

Conviver mais com a família que mora mais distante. Eu faço anualmente um planejamento grande para o primeiro e o segundo semestre, já que tenho filhos e suas famílias morando fora do Brasil. Morro de saudades deles, e quero participar de todo o desenvolvimento dos meus 3 netinhos muito queridos. Meta minha ir de 1 á 2 vezes ao ano no seu País, para estarmos mais juntos… ou virem aqui pra casa. Preferencialmente nos seus aniversários, Natal e Ano Novo. A internet ajuda na saudade. Mantemos contato quase que diário.

Viajo… viajo… Organizo as minhas viagens do Ano com bastante antecedência, faço pesquisas e compro as passagens aéreas com antecedência e divididas em vários meses, o que facilita muito. Quando começo a viagem, esta parte está paga ou quase terminando. Economizo em tudo que posso.

Sou uma vovó super coruja. Meus 3 netinhos moram longe, então passo uma temporada com eles nas férias ou quando podemos e faço com que estes momentos sejam únicos e intensos pra eles e pra mim. Rimos, nos divertimos, cantamos, dançamos, passeamos, brincamos, fazemos picnics e vamos assim construindo tantas histórias lindas em parceria que dão fôlego até os nossos próximos encontros. Registro tudo que posso: tiro fotos, faço vídeos, invento brincadeiras… o que der na veneta. Estou fazendo pra eles um álbum de memórias contando a história da minha vida. Espero que eles queiram ler quando cresceram, pra trazer doces. lembranças. A saudade mora em mim.

Planejo minha vida financeira. Faço um planejamento financeiro, custei a aprender isto (até hoje apanho muito ainda)… isto tem me ajudado e controlar melhor meus gastos. Tento não usar o cheque especial e controlo os gastos com o cartão de crédito mensal (usei paguei tudo).

Economizo em tudo que puder. Aprendi a comprar somente àquilo que realmente preciso e quero. O consumismo de fato deixou de acontecer muito comigo. Reflito bem sobre as minhas reais necessidades e não caio mais nas armadilhas das liquidações.

Reaproveito também tudo o que posso, e ainda ajudo o planeta. Este novo hábito tem me ajudado a descobrir muitas coisas. Uso a minha criatividade. Fim do desperdício.

Minha casa mais segura. Deixo tudo organizado e arrumado, cada coisa tem seu lugar. Faço manutenções constantes na casa e eletrodomésticos. Duas vezes ao ano verifico datas de validade dos produtos na despesa (jogo fora os vencidos) e o que não me serve mais, doo se servir para alguém. Cuidado com tapetes e fios soltos; uso corrimãos e grades que tem que estar em bons estado; arrumo os equipamentos quebrados.Assim aos poucos tudo fica bem melhor.

Doe: Duas vezes ao ano eu doo tudo que não vou usar mais e pode servir para alguém. Faço um chá com bolachas em casa convido amigos e família, escolhem o que querem ficar, passamos uma ótima tarde juntas… o resto doo para alguém que precisa. Renovo as energias da casa.

Durmo melhor minhas 8 horas diárias. Preparo antes meu ambiente tranquilo no quarto, sem TV e eletrônicos na cama. Nem mais nem menos.

Tenho muitos pensamentos positivos. Atraímos o que pensamos. Um olhar para a vida com bom humor e de superações são muito importantes para a minha vida envelhecemos com positividade na alma. Tudo é um grande aprendizado e sei que tudo passa!

Exercícios mentais tem sido mais frequentes agora. Tenho procurado manter a minha mente ativa e aberta ao novo. Leio, escrevo, aprendo línguas, faço palavras cruzadas, sudoku, joguinhos por aplicativos… Participo de redes sociais. Isto tudo me mantes bem ativa. Tenho que ter tempo de pausas também.

Digo não! Escolho não ter companhias tóxicas, fazer coisas que me aborrecem e que não condizem com meus propósitos de vida… Se sei que vai me fazer mal, hoje ou amanhã não vou e não faço.

E você como está indo no seu envelhecer, me conte… vou adorar interagir com vocês.

Ah! ISTO SIM É AMOR!

Este texto foi escrito por uma pessoa muito querida😍, que faz 26 anos de casada hoje.

Para os que sonham com um amor duradouro, acredite ele existe e é assim… simples assim!. As pessoas é que complicam algo construído com muito carinho e amor ao longo dos anos… tem muitos momentos bons e outros nem tanto assim, o que importa é que juntos compartilham tudoooo riem, choram, discutem, cedem, dizem SIM e NÃO, brigam, fazem as pazes, se abração, se beijam e se amam.

Parabéns minha irmã e meu cunhado. Amo muito vocês e tenho o previlégio de passar muitas coisas perto de vocês, ajudando nos desafios e brindando nas suas conquistas. Que Deus os abençoe e a sua linda família, que eu tanto amo. Leiam:

Para os casais tão ansiosos em desistir depois que a paixão passa, busque nutri-la… aqui vai um bom incentivo para ajudá-los a não desistir! O compromisso ao longo da vida não é o que a maioria das pessoas pensa. Não é acordar todas as manhãs e tomarem café da manhã juntos… não é abraçar na cama até os dois dormirem… não é um lar limpo, cheio de risos e amor todos os dias, não é namorar diariamente como jovens enlouquecidos e apaixonados…
É alguém que te rouba o cobertor numa noite fria, que ronca e te diz duras palavras às vezes. É discordar ou silenciar. É saber perdoar e pedir perdão muitas vezes. É voltar para casa, para a mesma pessoa todos os dias, pois é ela que te ama e se preocupa com você, apesar de tudo, e por causa de quem você é. Trata-se de engolir as palavras, ao invés de dizê-las em voz alta… é comer algo simples, frio e tarde, depois de um dia duro de trabalho. É quando você tem um colapso emocional e o seu amor lhe abraça e diz que vai ficar tudo bem e você acredita nela. Amar alguém nem sempre é fácil, às vezes é difícil, mas é incrível e reconfortante e uma das melhores coisas que você irá experimentar. O amor é espiritual, vai além do nosso entendimento.
Se você é abençoado por ter um alguém em sua vida, copie a mensagem acima, anexe uma foto de vocês dois, e publique! Quero ver mais fotos de casais por aí ❤ Já quase 30 anos de muito aprendizado e Amor😍🙏 👨‍👨‍👦