COMO SUPERAR A SÍNDROME DO NINHO VAZIO?

Sindrome do ninho vazio1

“Vivemos sobre o mesmo céu, mas nem todos temos o mesmo horizonte”. Konrad Adenquer.

Em um determinado momento das nossas vidas, nos damos conta de que os nossos filhos cresceram, e tomaram a decisão de começar um novo caminho…o  da independência… enfim vão viver suas vidas.

A síndrome do ninho vazio faz referência a esta situação. Muitas vezes os pais se sentem abandonados e tristes com esta situação… que faz com que deixem de se sentir importantes para os seus filhos e se sintam irritados e agoniados.

Nada vai substituir a saída dos filhos, mas é preciso entender que a fase da vida mudou, e se a pessoa não buscar outras fontes de prazer ela pode desenvolver muitas doenças. Não é para ignorar os sintomas, mas sim aceitar a dor, aceitar a saída dos filhos… se adaptar a essa mudança e dar novo sentido para a vida. Afinal criamos os filhos pro mundo!

img_4395

 

Devemos aceitar como um recomeço, não só para eles que sairão em busca de novos desafios e experiências, mas também para os pais, com um novo conceito de vida e de novas perspectivas. Temos que renovar nossos planos de vida, tanto individuais quanto matrimoniais, enxergar nessa situação que a principio parece negativa, a oportunidade de dedicarmos mais tempo e energia a nós mesmos, em busca de novas experiências e satisfação pessoal.

Esses sintomas variam de pessoa para pessoa, dependendo de sua personalidade, do estado emocional e até do grau de relacionamento que mantinha com aquele que deixou o lar.

Geralmente é necessário um lento processo de adaptação e mudança diante dessa nova realidade, pois toda a rotina de convivência será modificada, o que poderá causar crises entre os membros familiares envolvidos. É uma fase difícil até mesmo para alguns pais que se sentem satisfeitos por terem cumprido seus papéis para a independência dos filhos.

sindrome do ninho vazio mae-eu-tenho-que-ir

A seguir mostraremos algumas ideias de como superar a síndrome do ninho vazio.

  1. Nova perspectiva da situação.Você deve pensar naqueles aspectos que contribuem com o seu bem-estar. Muitas vezes o relacionamento com os filhos melhora quando eles já não estão em casa. Outro aspecto é o tempo com o que agora você conta para se dedicar a novos projetos.
  2. Dê força para o seu companheiro. Quando temos filhos, muitas vezes nosso companheiro fica de lado. Este é o momento de dar força para o seu companheiro e de realizar aquelas atividades que você tinha adiado. Esta é uma nova etapa da vida que você deve desfrutar totalmente.
  3. Fale do assunto. Pôr para fora os seus sentimentos é o primeiro passo para melhorar. Às vezes, compartilhar este sentimento com nossos entes queridos nos permite perceber que podemos superar esta situação.
  4. Atividades prazerosas. Ao longo da vida as pessoas sempre sentem o desejo de realizar determinadas atividades que lhes dão prazer, mas as exigências diárias, às vezes, fazem com que estas terminem sendo adiadas. Faça uma lista de todas aquelas atividades que você gosta e se prepare para começar a fazê-las.
  5. Pratique um esporte.O exercício físico é muito bom para a saúde e ajuda a relaxar. Saia para caminhar todos os dias durante 30 minutos, e você notará como em pouco tempo se sentirá cada vez melhor.
  6. Cuidado pessoal.Não se abandone, nem se deixe abandonar. Você deve buscar um cuidado pessoal adequado, hoje você tem tempo para isso. É importante que você volte a adotar o papel de mulher, além do de mãe.
  7. Estimule a independência. É importante que seus filhos saibam que podem contar com o seu apoio nesta nova fase. Evite invadir a sua nova casa ou a sua vida com visitas ou telefonemas contínuos. Você deve deixá-los crescer, acompanhá-los e desfrutar com eles esta nova etapa da vida.
  8. Adote um animal de estimação. Se você não tem um marido ou namorado com quem compartilhar este momento e sente que a casa está vazia sem seus filhos, pode adotar um animal de estimação. Eles serão uma grande companhia.
  9. Melhore a relação com seu filho. À medida que passa o tempo, a relação com seu filho mudará positivamente. A maturidade de ambos fomentará outro tipo de comunicação mais frutífera. Você nunca vai deixar o seu papel de mãe, seus filhos estarão ai para você.
  10. Assista a este vídeo:

feliz

http://g1.globo.com/mg/vales-mg/mgintertv-2edicao/videos/v/especialista-fala-sobre-a-sindrome-do-ninho-vazio/4921429/

Habitualmente, a síndrome do ninho vazio é pontual, ou seja, possui hora certa para ser findada, sendo que sua duração se estende do instante de separação dos filhos até o estabelecimento de uma nova ordem familiar.

Eu me encontro nesta fase agora e me sinto muito bem cheias novos projetos… Afinal venho me preparando pra esta fase já a algum tempo… e continuamos a conviver melhores como nunca. A família vem aumentando e trazendo novos aprendizados a todos.

Fonte: http://saude.umcomo.com.br/articulo/como-superar-a-sindrome-do-ninho-vazio-3209.html#ixzz49hXyHFEC – http://g1.globo.com

 

 

 

 

 

 

Anúncios

MORAR EM PORTUGAL – VISTO D7 – DÚVIDAS COMUNS E RESPOSTAS.

Portugal aposentados

“Ninguém tem a felicidade garantida. A vida dá a cada pessoa tempo e espaço. Depende de você enchê-los de alegria.” S. Brown.

O VISTO D7 para aposentados e pessoas que vivem de rendimento, despertou o interesse de grande parte das pessoas que nos seguem, mas também gerou muitas dúvidas.

Por isso esse texto da Euro dicas serve  para esclarecer essas dúvidas e mostrar como você pode morar em Portugal depois de aposentar, ou com rendimentos (imóveis, aplicações e etc.). (Abril de 2016)

Quem pode solicitar o visto D7?

Aposentados que tem rendimentos suficientes para se manter em Portugal, ou para pessoas que vivem de rendimentos, independente da idade. Rendimentos incluem: aposentadoria, pensões, imóveis alugados, dinheiro aplicado, investimentos e etc…

Quanto eu preciso ter de rendimento por mês para conseguir o visto?

O que a lei diz é que você deve ter:

  • 1º adulto – 100% do salário mínimo vigente;
  • 2º adulto – 50% do salário mínimo vigente;
  • Cada criança – 30% do salário mínimo vigente.

O seu processo vai ser analisado por um funcionário, e os critérios podem variar um pouco de funcionário pra funcionário. Para ficar mais seguro e ter mais chances, idealmente é ter uma poupança de uns R$40 ~ R$50mil reais, mais 1.500€/mês para um casal. Dessa maneira é bem provável ter o visto aceito e também consegue ter uma boa qualidade de vida em Portugal. Veja aqui o Custo de Vida em Portugal.

Lisboa

Quanto tempo demora para o visto D7 sair?

Varia de acordo como qual Consulado de Portugal você solicitar, mas o tempo médio é entre 30 e 60 dias (não pode legalmente demorar mais que 60 dias).

Quanto custo tirar o visto?

O visto D7 tem um custo total de 200€ para fazer por conta própria. Já com assessoria, fica por cerca de 800€ incluindo tratar de toda a documentação no Brasil e em Portugal, abrir conta bancária em Portugal e solicitar o NIF (número de identificação fiscal).

Como envio dinheiro pra Portugal? Quanto vou pagar de imposto?

Será necessário agendar com o seu banco transferências mensais para Portugal, e desse valor é retido 25% de imposto na fonte. Sim, é um valor alto e é importante ter em mente que a cotação do euro varia todos os dias.

Existem maneiras legais para o aposentado não pagar 25% de desconto na fonte através de mecanismos legais via advogado/assessoria… (algumas pessoas estão usando este recurso). Há uma manobra legal que pode ser feita com ajuda de advogado/assessoria que possibilita não pagar o imposto nas transferências para Portugal.

Quem pode ir comigo para Portugal com o Visto D7?

O visto de residência é extensível para cônjuge, filhos até 18 anos e pais com mais de 65 anos! Se você tem filhos maiores de idade, eles precisam de outro visto (de estudo ou trabalho, por exemplo).

Posso trabalhar em Portugal com esse visto?

O visto D7 não dá permissão de trabalho, mas uma vez com a residência você pode solicitar permissão de trabalho ou até abrir uma empresa. Essa informação também foi uma novidade pra mim, que conseguimos através da assessoria que trata de vistos desse tipo.

Portugal Brasil

Por quanto tempo o visto é válido?

O visto tem validade inicial de 1 ano, depois é renovado duas vezes consecutivas pelo período de 2 anos cada. Depois de 6 anos de residência confirmada em Portugal (nunca ficando mais que 6 meses direto fora do país) você tem o direito de solicitar a nacionalidade portuguesa, e passa a ter passaporte europeu e não precisa mais de visto para residir no país.

Você indica contratar assessoria? Qual?

Minha resposta é: depende do que você quer! Se você tem tempo livre, e não se importa em errar/refazer e etc. Pode ser uma boa para poupar dinheiro. Eu sinceramente faria com assessoria, por que além de poupar tempo, eles sabem exatamente o que fazer para conseguir logo de cara o visto. A única assessoria que eu conheço e confio é www.strobelesantos.com.pt, eles garantem em contrato que o seu visto vai ser aprovado e caso não dê certo (muito raro) eles devolvem 100% do valor. A garantia de conseguir o visto é uma grande vantagem.

Se você tiver dúvidas sobre como funciona o processo com a assessoria, entre em contato direto com eles através do email: geral@strobelesantos.com.pt. Dizendo que viu na Euro Dicas eles te fazem um atendimento especial .

Se você tem interesse em mudar pra Portugal, meu conselho é: trate o quanto antes o visto por que a procura tem aumentado MUITO e as leis estão mudando rapidamente para se adequar a este novo cenário.

Esse post foi feito com base nas dúvidas mais comuns postadas no site e no facebook. Queria deixar claro que apesar de num primeiro momento parecer algo simples, não é! Tem que preencher todos os requisitos, ter dinheiro e estar disposto a sair da sua zona de conforto, mas por fim eu posso garantir: vale a pena!

Fonte: http://www.eurodicas.com.br/visto-d7/

FILMES SENSACIONAIS QUE MOSTRAM O AMOR NA TERCEIRA IDADE – TOP 3.

filme o diario de uma paixão

“O que você procura pode ser impossível de achar, então, procure algo que você pode achar e seja feliz ao invés de passar a vida inteira procurando algo indefectível que você nunca vai encontrar”. Arnaldo Jabor.  

O amor… Ah, o amor! Cheio de surpresas… Há quem diga que amar alguém é querer envelhecer com essa pessoa!

Alguns filmes tratam o processo de envelhecimento como temas e ajudam pessoas, idosos ou não, a compreenderem essa fase da vida. Uma coisa é certa: o amor pode transformar aqueles que o sentem! Mas tantas coisas acontecem… No cinema, vários filmes têm como pano de fundo esse sentimento, que aflora em qualquer fase da vida, inclusive na maturidade.

Veja mais seleções de filmes que nos mostram como é o amor na terceira idade, longe de ser um tabu, revela-se como uma experiência a ser vivida e celebrada… Um brinde ao amor!

UM GRANDE AMOR

Talvez o mais conhecido de todos os filmes é a linda história de história de Allie Hamilton (Rachel McAdams) e Noah Calhoun (Ryan Gosling). Os dois vivem em uma clínica geriátrica e ele conta para ela, que sofre de Alzheimer, a história que os dois vivem desde 1946.

A forma como o filme “Diário de uma paixão” (2004) aborda a questão da Doença de Alzheimer é fantástica. Allie não reconhece mais Duke e mesmo assim ele descreve todos os lugares que conheceram, sobre os filhos… recordando lindamente a história que construíram. Muitas vezes, as pessoas acham que quem sofre dessa doença deve ser esquecido assim como as memórias que foram perdidas. De uma sensibilidade incrível.

Assista ao trailer:

Allie e Noah, lutam para levar uma vida normal, mesmo estando distantes.

Sempre … Alguém Tem Que Ceder (Something’s Gotta Give)
Harry Sanborn (Jack Nicholson) é um executivo que trabalha no ramo da música e namora Marin (Amanda Peet), que tem idade para ser sua filha. Harry e Marin decidem ir até a casa de praia da mãe dela, Erica (Diane Keaton). Lá, Harry sofre uma parada cardíaca, e acaba ficando sob os cuidados de Erica e Julian (Keanu Reeves), um jovem médico local. Aos poucos, Harry percebe que está se interessando cada vez mais por Erica, mas tenta esconder seus sentimentos. Julian também sente atração por ela, tornando-se um rival de Harry. Assista o trailer:

JUNTOS E SEPARADOS
Dentre estas produções um dos destaques é o filme “O Amor é Estranho” 2015, dirigido por Ira Sachs. Depois de passarem quase 40 anos juntos, George (Alfred Molina) e Ben (John Lithgow) decidem oficializar a união, mas o que seria motivo de comemoração resulta na demissão de George, professor de música numa escola católica.

Assim, devido a problemas financeiros, os dois acabam provisoriamente separados: George vai morar com um casal de amigos e Ben passa a viver com o sobrinho e sua família. Diante da nova condição, o casal tem que lidar com as mudanças na rotina e a dor da separação. Confira o trailer:

Espero que goste destas dicas…

 

 

4 ATITUDES QUE ALTERAM A PRESSÃO ARTERIAL.

“Se eu não posso mudar um acontecimento, se não posso mudar a vida, então que ela me modifique”. Padre Fábio de Melo

Não é segredo que praticar atividades físicas, manter o peso adequado e ingerir alimentos saudáveis são hábitos que ajudam a controlar a pressão arterial. Alguns fatores menos conhecidos, no entanto, podem agir contra você, conheça.

COMER ALIMENTOS ENLATADOS

COMER enlatados
Uma substância química chamada bisfenol A (BPA), encontrada no revestimento de algumas embalagens plásticas e latas, pode aumentar a pressão arterial ao longo do tempo, de acordo com um estudo publicado na revista científica Hypertension .

Entre os 60 indivíduos do estudo, todos com 60 anos de idade ou mais, a pressão arterial sistólica (número mais elevado) apresentou um aumento agudo de 4,5 mmHg depois que os indivíduos ingeriram duas bebidas enlatadas, em comparação com o consumo de duas bebidas em garrafas de vidro. Você pode reduzir esse risco se optar por recipientes de vidro ou de aço inoxidável, em vez de plástico.

TOMAR BEBIDAS QUE CONTÊM CAFEÍNA

COMER cafe-chocolate-
De acordo com o estudo, beber uma xícara de café ou outras bebidas com cafeína no começo do dia é uma atitude que pode elevar sua pressão arterial, mesmo que você não seja hipertenso. Nesse estudo, a cafeína foi administrada a um grupo de 182 homens. A pressão arterial foi medida após 20 minutos de descanso e mais uma vez depois de 45 a 60 minutos. A cafeína elevou a pressão sistólica e diastólica em todos os grupos, sendo que a resposta mais forte foi observada entre os homens com hipertensão. Antes de ingerir cafeína, 78% dos homens foram diagnosticados como hipertensos. Esse percentual aumentou para 89% após o teste. Os homens na fase I (variação sistólica de 140 a 159 mmHg e diastólica de 90 a 99 mmHg) representavam 4% do grupo. Esse percentual aumentou para 15% após a ingestão de cafeína. Se você tiver pressão alta ou hipertensão limítrofe, evite bebidas que contenham cafeína para ajudar a manter a pressão arterial sob controle.

COMER DOCESdoces 1

Os alimentos salgados têm a fama de aumentar o risco de hipertensão arterial, mas o açúcar pode ser ainda pior. O estudo também mostrou que o aumento da pressão arterial em pessoas que tomavam bebidas adoçadas com glicose ou frutose, que são muito utilizadas pela indústria de bebidas. “Em vez de tomar bebidas adoçadas, experimente misturar água com gás e sua fruta favorita ou beber água aromatizada”, sugere Amy Goodson, nutricionista do Texas Health Ben Hogan Sports Medicine, de Dallas, Texas, nos EUA.

SENTIR RAIVA

- RAIVA
Sua pressão arterial também fica mais alta quando você perde a paciência. O estresse e a raiva podem ser prejudiciais à saúde de várias maneiras. Além disso, estudos mostram que as pessoas que se irritam com facilidade são mais propensas a desenvolver doenças cardíacas. Ao longo do dia, pratique técnicas de relaxamento mental, como meditação, ioga ou qualquer outra atividade que você considere agradável para aliviar o estresse.
Praticar atividades físicas todos os dias também ajuda. A manutenção de um peso adequado sempre deve ser um dos objetivos gerais de bem-estar. Com isso, sua pressão arterial ficará controlada.

Fontes:  Hypertension

http://www.envelhecersemvergonha.com.br/4-atitudes-que-podem-alterar-sua-press%C3%A3o-arterial

FILMES SENSACIONAIS QUE MOSTRAM O AMOR NA TERCEIRA IDADE – TOP 2.

“A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras. Sentir-se amado é sentir que as pessoas tem interesse real na sua vida”.  Arnaldo Jabor.

filme amor
O amor… Ah, o amor! Cheio de surpresas… Há quem diga que amar alguém é querer envelhecer com essa pessoa! Uma coisa é certa: o amor pode transformar aqueles que o sentem! Mas tantas coisas acontecem…
No cinema, vários filmes têm como pano de fundo esse sentimento, que aflora em qualquer fase da vida, inclusive na maturidade.
Veja esta outra seleção de filmes que nos mostram como é o amor na terceira idade, longe de ser um tabu, revela-se como uma experiência a ser vivida e celebrada… Um brinde ao amor!
A FELICIDADE MORA AO LADO
Na comédia romântica “Um Amor de Vizinha”2014, o corretor de imóveis Oren Little (Michael Douglas) egocêntrico vive tranquilamente quando recebe a visita do filho (com quem ele não fala há anos), um ex-viciado, que vai cumprir uma pena de prisão que pede que ele cuide da sua neta por um tempo… e deixa sua filha pequena, Sarah (Sterling Jerins), com o avô. Sem a menor ideia de como proceder com uma criança que ele mal conhece, ele pede ajuda a sua vizinha para cuidar da menina.
A vizinha Leah (Diane Keaton), uma viúva e cantora de um pequeno restaurante. Mais do que ajudar o corretor a cuidar de Sarah, Leah ensina a Oren que ainda há tempo para amar e buscar a felicidade. Assista ao trailer:

O rabugento Oren tem seu coração amolecido pela adorável vizinha Leah.

UM OSCAR PARA O AMOR!
O filme francês “Amor” (Amour 2012), direção de Michael Haneke, conta a história de Anne (Emmanuelle Riva) e Georges (Jean-Louis Trintignant), casados há bastante tempo e cujas vidas mudam quando Anne é submetida a uma cirurgia no coração malsucedida, que a deixa paralisada de um lado do corpo. O amor do casal é colocado à prova com o problema de Anne, e a realidade de dificuldades e superações adentra o filme com toda força. Amor foi premiado com o Oscar de melhor filme estrangeiro de 2012. Assista ao trailer:

Amor: uma lição de afeto, cumplicidade e companheirismo. Manter-se fiel as suas  escolhas e decisões.

SEGREDOS SEMPRE SÀO DESCOBERTOS

Em 45 anos, 2015 Kate Mercer (Charlotte Rampling) está planejando a festa de comemoração dos 45 anos de casada. Porém, cinco dias antes do evento, o marido recebe uma carta: o corpo de seu primeiro amor foi encontrado congelado no meio dos Alpes Suíços. A estrutura emocional dele é seriamente abalada e Kate já não sabe se vai ter o que comemorar durante a festa.

O diretor Andrew Haigh constrói momentos de grande naturalidade na vida de um casal idoso, incluindo cenas com os amigos, momentos de dança e um ato sexual. Mesmo assim, em ritmo progressivo, o cineasta consegue criar o suspense: o que vai acontecer no dia da cerimônia? Eles vão terminar o casamento? Vai dar tudo certo? Haigh economiza – até demais – na quantidade de conflitos ao longo da história, que é belamente filmada, mas um tanto inerte. Entretanto, é possível acreditar que o cineasta tenha feito essa escolha porque acreditava no potencial de sua conclusão que, de fato, é excepcional. Assista ao trailer:

Um retrato sutil, sofisticado e ao estilo Bergman de uma crise de casamento no final da vida. […] Em muitos níveis, “45 Anos” é um filme atormentado por fantasmas do passado.

CONHEÇA AS 5 MELHORES CIDADES DE PORTUGAL PARA MORAR .

Viajar 10.jpg

Pois é… é possível ter uma vida tranquila assim que você se aposenta, e lá em terras europeias. Em Portugal há uma lei para receber cidadãos aposentados do mundo inteiro, desde que eles possuam rendimentos suficientes. Além de possuir benefícios fiscais de isenção de impostos, Portugal é um país lindo e que oferece uma ótima qualidade de vida! Leia o que a euro dica sugere sobre as melhores cidades para morar neste País. Leia:

Se você sonha morar em Portugal e está na dúvida de qual cidade escolher, vamos lhe ajudar a decidir neste artigo. Portugal é um país encantador e cheio de belezas naturais. O país possui praias, montanhas, serras e cidades com muita qualidade de vida. Sua população é de apenas 10 milhões de habitantes e sua extensão territorial é equivalente ao estado de Santa Catarina no Brasil. As cidades de Portugal são acolhedoras e muito tranquilas para se viver. Confira a lista que preparamos das cidades portuguesas que mais atraem os brasileiros:

Lisboa

Portugal Lisboa

É a capital do país e excelente para quem quer viver em uma metrópole. A cidade portuguesa equilibra o histórico e o moderno e possui grandes shows internacionais, festivais de música (como o Rock in Rio), vida noturna e muitas opções gastronômicas. Lisboa fica no litoral sul de Portugal e tem temperaturas agradáveis durante quase todo ano. As melhores oportunidades de emprego estão lá. A capital portuguesa também possui as melhores universidades do país, como a Universidade de Lisboa. A área metropolitana tem cerca de três milhões de pessoas.
Porto

Portugal Porto 2
Uma das cidades mais bonitas de Portugal, possui vida noturna agitada e é perfeita para quem gosta de badalação. O Porto é a segunda cidade mais populosa de Portugal e tem cerca de dois milhões de moradores. Pessoas de todo o mundo escolhem o Porto para morar por sua beleza e pela diversidade de atrações culturais e de lazer. Localizada no noroeste de Portugal, a cidade dos tradicionais vinhos, também oferece ótimas opções de estudo e trabalho. Já escrevemos aqui como é estudar em Portugal.

Braga

braga_ portugal 2

Localizada no norte do país, Braga é ideal para quem quer tranquilidade e qualidade de vida. É uma das cidades de Portugal mais antigas com mais de 2000 anos de história. O município bracarense recebe centenas de estudantes de todo o mundo para a Universidade do Minho. A instituição recebe alunos do programa Erasmus de muitos países e está preparada para receber estrangeiros. Braga tem cerca de 180 mil habitantes e convive em harmonia com os muitos idosos e aposentados que vivem na região.

Coimbra

Portugal Coimbra 11Uma das mais importantes cidades de Portugal, Coimbra é conhecida como uma região universitária. A Universidade de Coimbra tem 725 anos, uma das mais antigas do mundo ainda em funcionamento. A bela cidade foi sede da romântica história de Inês e D. Pedro I de Portugal e hoje possui 143 mil habitantes. O município tem excelente qualidade de vida e é um dos destinos preferidos dos brasileiros para estudar fora.

Guimarães

Portugal Guimarães

Uma das mais históricas cidades de Portugal, Guimarães parece uma cidade de boneca. Com ar de interior, mas cheia de coisas para fazer, a cidade é perfeita para famílias que buscam sossego e muita paz para residir. O município possui 158 mil moradores e é de uma limpeza extrema. A cidade é sede da Escola de Arquitetura da Universidade do Minho e possui o campus de Azurém, onde estão localizados os cursos tecnológicos e de ciências da Universidade do Minho.

http://www.eurodicas.com.br/5-melhores-cidades-de-portugal-para-morar/

CAMINHAR É UM EXCELENTE EXERCÍCIO, MAS TAMBÉM MERECE CUIDADOS…

envelhecimento correr

“Os benefícios dependem da disciplina e do objetivo de cada pessoa”. Fernando Melo

Apesar de ser uma atividade de fácil execução, é preciso buscar orientação profissional para saber se você está apto e sobre a intensidade do treino.

“Caminhar” é atividade física mais democrática que existe. Desde que não haja alguma restrição, qualquer pessoa de qualquer idade pode fazer uma caminhada. Para isso, basta usar uma roupa e um calçado confortável de preferência um par de tênis, que seja adequado ao seu tipo de pisada  e ir para rua ou esteira.

CAMINHAR 1.png

Além dos benefícios para a saúde que contribuem para a longevidade, pesquisas mostram que essa atividade física combate inclusive a depressão. Apesar de ser uma atividade que parece ser de baixo impacto, é necessário adotar algumas precauções.

A imagens caminhar

separaçào 7

OS MELHORES HORÁRIOS PARA TREINAR EM LOCAIS EXTERNOS: A decisão de começar a uma atividade física (caminhar/correr…) já foi tomada. Os tênis, a roupa e os aplicativos já foram escolhidos. Mas eis que surge a dúvida: qual é o turno mais adequado para nosso corpo sair caminhando/ correndo por aí?

CAMINHAR 2

  • Na parte da manhã 7 horas e 9 horas.
  • Fim da tarde: 17 horas e 19 horas.
  • Horários em que o sol “castiga” menos.

Fonte: http://www.saudedica.com.br/as-20-dicas-para-quem-vai-comecar- a correr/

 

O QUE É VIVER BEM”, por Cora Coralina

CORA CORALINA 1

“O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher”. Cora Coralina

Todo mundo tem sua definição do que é viver bem, e Cora Coralina tinha a sua. Famosa por ser poetisa e contista, a goianiense Cora Coralina (1889-1985), ou Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas, autora de “Poemas dos Becos de Goiás e Estórias Mais” e “Meu Livro de Cordel”, também foi doceira, vendedora de livros, produtora e vendedora linguiça caseira e de banha de porco, e chegou a gravar um disco.

Na sua receita particular de viver bem está à leitura, a autenticidade, o sorriso e não dizer que está velha, nem que está doente, e tampouco que não ouve bem. Espirituosa, ela também viveu suas buscas e, aos 50 anos, experimentou uma profunda mudança interior que classificou como “a perda do medo” (Wikipedia). Foi a partir dessa ocasião que ela deixou o nome Ana Lins de lado e adotou Cora Coralina, tornando-se escritora. Abaixo, a Crônica “O QUE É VIVER BEM”, por Cora Coralina.

CORA CORALINA 3

“Eu não tenho medo dos anos e não penso em velhice. E digo prá você, não pense.

Nunca diga estou envelhecendo, estou ficando velha. Eu não digo. Eu não digo estou velha, e não digo que estou ouvindo pouco. É claro que quando preciso de ajuda, eu digo que preciso.

Procuro sempre ler e estar atualizada com os fatos e isso me ajuda a vencer as dificuldades da vida. O melhor roteiro é ler e praticar o que lê.

O bom é produzir sempre e não dormir de dia.

CORA CORALINA 5

Também não diga prá você que está ficando esquecida, porque assim você fica mais.

Nunca digo que estou doente, digo sempre: estou ótima.

Eu não digo nunca que estou cansada. Nada de palavra negativa. Quanto mais você diz estar ficando cansada e esquecida, mais esquecida fica. Você vai se convencendo daquilo e convence os outros. Então silêncio!

CORA CORALINA 6

Sei que tenho muitos anos. Sei que venho do século passado, e que trago comigo todas as idades, mas não sei se sou velha não. Você acha que eu sou?

Posso dizer que eu sou a terra e nada mais quero ser. Filha dessa abençoada terra de Goiás.

Convoco os velhos como eu, ou mais velhos que eu, para exercerem seus direitos. Sei que alguém vai ter que me enterrar, mas eu não vou fazer isso comigo.

Tenho consciência de ser autêntica e procuro superar todos os dias minha própria personalidade, despedaçando dentro de mim tudo que é velho e morto, pois lutar é a palavra vibrante que levanta os fracos e determina os fortes. O importante é semear, produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade.

CORA CORALINA 7.jpg

Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça.    Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. `.       Faço o que devo fazer, com amor.

Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende.”

CORA CORALINA 4

“Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.”

Fonte: http://www.contioutra.com/o-que-e-viver-bem-por-cora-coralina/

AS CORES E O REVEILLON: VAMOS INOVAR?

Ano Novo

Ano novo… novos sonhos! Pensei então em renovar a minha maneira de passar este ano de 2018.

A resposta é tudo… e depende do que busco para mim em 2018! Algumas dicas do que cores você pode usar: se busca paz, use branco, se está a procura de um grande amor use o vermelho e terá um ano repleto de paixão. Se estiver precisando de dinheiro a melhor cor para usar no Réveillon é o Verde e Amarelo, a esperança aliada com o dinheiro, o laranja também ajuda. Se estiver à procura de inspiração e estabilidade o ideal é usar uma peça de roupa violeta e para a paz de espírito o azul sempre ajuda enfim, o que realmente importa é a atitude, é o pensamento positivo.

Acredito em muitas simpatias e superstições, mas nunca levei muito a sério a questão da roupa de ano-novo. Inclusive, passei diversas viradas de ano vestindo até o preto e nunca nada de muito grave me ocorreu. Analisando agora minha vida pregressa, vejo que sempre subestimei o poder das cores, apesar de gostar muito de tudo colorido.

ano novo Cores-para-usar-no-Réveillon-2016-significados-01

Baseada nisso, resolvi fazer uma breve pesquisa sobre o poder das cores em nossas vidas e, diante da virada de ano que está tão próxima, resolvi inovar no ritual da virada: em vez de na “roupa nova” da cor do meu pedido, vou investir na decoração com “velas” em casa!

Vamos às dicas de qual vela utilizar durante o mês de Dezembro que melhor irá se adequar ao meu pedido. Li uma vez que, quando ascendemos uma vela estamos iluminando nossas verdades e querendo atrair algo novo para nossas vidas. Então vamos lá?

ano novo velas

Vela rosa: Cor do amor, do romance e da paz. Deverá ser usada quando você precisar se envolver em puro amor e o amor ao próximo. Quando magoar alguém ou for magoado é a cor ideal para desfazer o ódio.

Vela laranja: Cor que incentiva a criatividade, as atividades artísticas e desportivas. É uma cor revitalizadora de todo o sistema mental e emocional. É um excelente auxiliar para quem quer receber luz, espiritualizar-se e aumentar seu poder mental.

Vela lilás, violeta ou roxo: Cor da espiritualidade. Tem a força da transmutação, conseguindo transformar o negativo em positivo. Quando precisar se proteger de algo ou quando perceber alguma negatividade, estas cores auxiliam para que as pessoas se livrem de diversos tipos de vícios: cigarro, álcool e drogas.

Vela azul: Cor que acalma, tranquiliza e atrai equilíbrio emocional. A cor azul claro está muito ligada ao Astral e Boas Energias do Universo. Tons de azul mais vivo melhoram a autoestima, atraem alegria interior e paz na casa. Cor que impõe respeito.

Vela vermelha: Cor de pura energia e vida. Vibra com muita intensidade no Universo e tem um poder de realização muito rápido. Cor do amor, paixão e sexo. Poderá ser usada para qualquer pedido com urgência.

Vela branca: Cor da paz, do amor universal, do contato com Deus, de firmar o anjo da guarda e de atrair boas energias. É a mais democrática das cores, pois pode ser usada para qualquer finalidade positiva.

Vela dourada: Cor ligada ao Sol que ilumina, clareia e espanta más energias. Cor que atrai riqueza, sucesso e prosperidade. Ótima para concretizar sucesso material, profissional e autoestima.

Vela prata: Cor que eleva nossa autoestima, atrai sucesso, concretiza metas e sonhos. A cor prata estimula a intuição, sensibilidade e espiritualidade, pois está associada à energia da lua.

Vela amarela: Outra cor associada ao Sol. Tem o poder de abrir a mente para a sabedoria do Universo. Traz entendimento sobre tudo, além de atrair riquezas, prosperidade, abundância e melhorar a comunicação.

Vela verde: Cor da saúde, equilíbrio e vitalidade. Muito usado para atrair esperança. Também é usado para atrair saúde ou curas em problemas de doenças. Muitos usam para atrair bens matérias.

Vela marrom: Cor da Terra. Atrai firmeza mental, poderes de concentração, realização material e sucesso de metas e sonhos. Ótimo para momentos duvidosos e indecisos.

Cada cor tem seu simbolismo e transmite uma intenção, neste ano novo 2018 escolha a cor certa e seja muito feliz e para garantir não conte apenas com a cromoterapia, apele também para as tradicionais simpatias da noite da virada, afinal não custa nada acreditar.

ano-novo-champagne

Confesso que estou em dúvidas na escolha mais adequada para 2018. Não sei se vou de marrom ou prata (desejos bem materialistas, típicos de capricornianos rsrsrs). E vocês, vão de que cor?

Acredito que em 2018 tudo pode ser diferente, pode ser melhor, tudo depende de como você encara as possibilidades que se apresentam no dia a dia, no convívio com as pessoas que amamos, no trabalho, na escola, entre amigos… Quando colocamos a atenção no presente… e nos momentos, conseguimos entender todo o espírito de Natal.  

Essa é uma maneira interessante de se encarar o mundo, de se encarar as oportunidades que estão sendo anunciadas neste ano novo … que se inicia e podem ser a motivação que eu estava precisando para acreditar e transformar minha vida em um evento contínuo de sucessos.

Para quem quiser saber mais a respeito da influência das cores no universo, o significado de cada vela foi extraído dos ensinamentos de Franco Guizzetti, que é consultor de Feng Shui e de Geobiologia, personal coaching, consultor de oráculos e palestrante holístico e motivacional. 

 

NÃO ESTAMOS PREPARADOS PARA SERMOS PAIS DOS NOSSOS PAIS

a49cdb808f4067e04c2f32d97f3971e4

“…Quanto mais eles perdem memória, vigor, audição, mais sozinhos nos sentimos, sem compreender por que o inevitável aconteceu. Pode até surgir alguma revolta interior por esperar deles que reagissem ao envelhecimento do corpo, que lutassem mais a favor de si, sem percebermos, na nossa própria desorientação, que eles não têm a mesma consciência que nós, não têm como impedir a passagem do tempo ou que possuem, simplesmente, o direito de sentirem-se cansados…”

Cuidar dos nossos Pais

Difícil percebermos que enfim este momento chegou… Vamos ambos aprendendo juntos no dia a dia… E procurando enfrentar tudo com maturidade… muita paz no coração e um amor infinito, pois isso faz parte da uma fase da nossa vida.  Acredito ser esta a receita do amor incondicional…  Para refletir melhor sugiro ler este artigo:

mae e fiha

Nascemos filhos. E esperamos ser filhos para sempre. Mimados, educados, amados. Que nossos pais invistam doses cavalares de amor em todo nosso caminho pela vida. Que, quando a vida doer, haja um colo materno. Que quando a vida angustiar, encontremos neles um conselho sábio. E, quando isso nos falta, há sempre uma lacuna, um sentimento estranho de sermos exceção.

Mesmo adultos, esperamos reconhecer nossa meninice nos olhos dos nossos pais. Desejamos, intimamente, atenções miúdas, como a comida favorita no dia do aniversário ou a camiseta do time de futebol se estamos na casa deles.

Não estamos prontos para trocar de lugar nesta relação.

maos bengala

É difícil aceitar que nossos pais envelheçam. Entender que as pequenas limitações que começam a apresentar não são preguiça nem desdém. Que não é porque se esqueceram de dar o recado que não se importam com a nossa urgência. Que pedem para repetirmos a mesma frase porque não escutam mais tão bem – e às vezes, não está surdo o ouvido, mas distraído o cérebro. Demora até aceitarmos que não são mais os mesmos – que dirá “super-heróis”? Não podemos dividir toda a nossa angústia e todos os nossos problemas porque, para eles, as proporções são ainda maiores e aí tudo se desregula: o ritmo cardíaco, a pressão, a taxa glicêmica, o equilíbrio emocional.

Vamos ficando um pouco cerimoniosos por amor. Tentando poupar-lhes do que é evitável. Então, sem querer, começamos a inverter os papéis de proteção. Passamos a tentar resguardar nossos pais dos abalos do mundo.

maoidosa_600px

Dizemos que estamos bem, apesar da crise. Amenizamos o diagnóstico do pediatra para a infecção do neto parecer mais branda. Escondemos as incompreensões do casamento para parecer que construímos uma família eterna. Filtramos a angústia que pode ser passageira ao invés de dividir qualquer problema. Não precisam preocupar-se: estaremos bem no final do dia e no final das nossas vidas. Mas, enquanto mudamos esses pequenos detalhes na nossa relação, ficamos um pouco órfãos. Mantemos os olhos abertos nas noites insones sem poder correr chorando para a cama dos pais. Escondemos deles o medo de perder o emprego, o cônjuge ou a casa para que não sofram sem necessidade e, aí, estamos sós nessa espera; não há colo… nem bala… nem cafuné para consolar-nos.

 

Quanto mais eles perdem memória, vigor, audição, mais sozinhos nos sentimos, sem compreender por que o inevitável aconteceu. Pode até surgir alguma revolta interior por esperar deles que reagissem ao envelhecimento do corpo, que lutassem mais a favor de si, sem percebermos, na nossa própria desorientação, que eles não têm a mesma consciência que nós, não têm como impedir a passagem do tempo ou que possuem, simplesmente, o direito de sentirem-se cansados.

maos 11

Então pode chegar o dia em que nossos pais se transformem, de fato, em nossos filhos. Que precisemos lembrá-los de comer, de tomar o remédio ou de pagar uma conta. Que seja necessário conduzi-los nas ruas ou dar-lhes as mãos para que não caiam nas escadas. Que tenhamos que prepará-los e colocá-los na cama. Talvez até alimentá-los, levando o talher a sua boca.

 vida 3

E eles serão filhos piores porque lembrarão que são seus pais. Reagirão as suas primeiras investidas porque sabem que, no fundo, você acha que lhes deve obediência. Enfraquecerão seus primeiros argumentos e tentarão provar que ainda podem ser independentes, mesmo quando esse momento tiver passado, porque é difícil imaginarem-se sem o controle total das próprias rotinas. Mas cederão paulatinamente, quando a força física ou mental reduzir-se e puderem encontrar no seu amor por eles o equilíbrio para todas as mudanças que os assustam.

Não será fácil para você. Não é a lógica da vida. Mesmo que você seja pai, ninguém o preparou para ser pai dos seus pais. E se você não o é, terá que aprender as nuances desse papel para proteger aqueles que ama.

maos idoso

Mas, se puder, sorria diante dos comentários senis ou cante enquanto estiverem comendo juntos. Ouça aquela história contada tantas vezes como se fosse a primeira e faça perguntas como se tudo fosse inédito. E beije-os na testa com toda a ternura possível, como quando se coloca uma criança na cama, prometendo-lhe que, ao abrir os olhos na manhã seguinte, o mundo ainda estará lá, como antes, intocável, para ela brincar.

Porque se você chegou até aqui ao lado dos seus pais, com a porta aberta para interferir em suas vidas, foi porque tiveram um longo percurso de companheirismo. E propor-se a viver esse momento com toda a intensidade só demonstrará o quanto é grande a sua capacidade de amar e de retribuir o amor que a vida lhe ofereceu.

rostos proximos

Eu me sinto abençoada por estar vivendo esta fase com minha mãe atualmente… cuidando e vigiando para que ela tenha uma melhor qualidade de vida nesta fase da vida… recebendo muito amor, carinho e atenção… Esta é a hora onde temos a melhor oportunidade para tentar retribuir um pouquinho de todo o amor a qual nos foi dispensado durante toda a nossa via. Muitas histórias vividas!  Unidas pelo amor de pais e filhos construídos ao longo do tempo.

luz
Fonte: http://obviousmag.org/puro_achismo/2015/nao-estamos-preparados-para-sermos-pais-dos-nossos-pais.html#ixzz3uwqCw2tu
Follow us: @obvious on Twitter | obviousmagazine on Facebook