LONDRES – OXFORD STREET E MINHAS LOJAS DE DEPARTAMENTO PREFERIDAS.

Já está acabando minha temporada de festas de final de ano e #férias aqui em Londres. Foram 45 dias pra curtir bastante meu filho, minha nora e meu querido #netinho. Brinquei muitoooo com ele… contei mil histórias, cantamos, dançamos, tocamos piano, rimos, nos comunicamos enfim nos divertimos bastante.

Ao longo destes dias procuramos aproveitar ao máximo nossa companhia. Levei e busquei ele na escola todos os dias. Vou sentir muitas saudades… mas em breve estaremos juntos novamente… aqui ou ali.

Ontem foi dia de passear na Oxford Street. (#oxfordstreet). Vou dar algumas dicas das lojas que fui visitar. Sempre falta alguma coisa então deixo pra dar uma passadinha lá nos meus últimos dias. Em dezembro estava toda enfeitada de Natal, estava linda.

Agora já retiraram tudo e está na temporada de #liquidaçãoemlondres. Melhor época pra se fazer compras em Londres são em janeiro e julho.

O dia oficial das promoções em Londres é o 26 de Dezembro (o feriado de Boxing Day), quando começam as liquidações pós-natal, e para as lojas que não abrem nesse feriado, o dia 27. Na verdade, muitas lojas antecipam sua  promoção para o dia 23 ou 24, mas não anunciam ate o dia 26 ou 27. Então para fazer compras no centro num desses dias, eu sugiro usar uma armadura rsrsrs… para se proteger da manada de gente em busca de barganhas! Por isso eu escolhi vir em janeiro, estaria mais tranquilo…

Londres é a capital do “cool”. É uma cidade tão cosmopolita e com um espírito livre, que dá asas à  descoberta e criação do inusitado. Esta cidade gera tendência para o mundo todo. Não só nas suas ruas, mas nas escolas de moda e nos mercados. Basta observar um pouco na rua pra perceber isto.

Oxford Street é a rainha das high streets (como são chamadas as ruas comerciais da Inglaterra, todo bairro tem a sua). É uma das ruas mais famosas de compras daqui.

Nos seus pouco mais de 2Km se reúnem mais de 300 lojas tais como: uma Zara, duas Primark, umas três H&M, duas Urban Outfitters, e mais New Look, River Island, Miss Selfridge, Next, Forever 21, as espanholas Bershka, Pull & Bear (do mesmo grupo da Zara) e Mango.

Além das renomadas lojas de departamento: Harrods, Selfridges, Harvey Nichols, Debenhams, Mark & Spencer e Liberty. A Harrods e a Selfridges são as maiores lojas do país.

Todos os dias, milhares de pessoas,  entre turistas e Londrinos, transitam por essa região, sempre em busca de novidades.

Comecei na famosa Primark, eu tive que voltar lá rsrsrs, é um dos melhores lugares custo x benefício para ir às compras… sempre falta alguma coisa né? O lema é garimpar!!!

Segui com a M&S (#markandspencer) Mark and Spencer que eu adoro explorar… è uma rede que também tem preços ótimos, acessíveis para todos. Para quem gosta de moda é uma loja incrível, bem organizada e com um visual merchandising bem pensado. A organização das camisetas básicas por cores é impecável! Ela atende todos os públicos: feminino, masculino e infantil. A sessão de decoração é um prato cheio para os olhos, vale a pena ver as novidades, são super criativas e de bom gosto. Minha principal dica sobre a M&S: as mulheres a sessão de lingerie é realmente muito boa. A qualidade é ótima e os preços bem justos.

Cheguei á Selfridges àquela que é mais que uma loja, é um cartão postal da cidade. Tão grande e importante é a sua história que ela se transformou série de tv. Bem sobre a Selfridges (fundada em 1909, pelo americano Harry Gordon Selfriedges #selfriedges) vai aqui a primeira dica: Venha sem pressa! Há muito o que ver e apreciar por aqui. Adoro ver suas vitrines, são gloriosas e bem criativas. Logo na entrada você encontra a sessão de perfumaria e maquiagem, incrível. Recomendo demais uma visita ao Beauty Hall.

Há também algo novo sempre acontecendo, como uma pop up store ou uma exposição etnerante. O primeiro andar é de moda masculina, os próximos dois são de moda feminina e o último é de sulvenir, brinquedos e restaurante. Caminhe sem pressa, o lugar é super espaçoso, elegante… com centenas de marcas maravilhosas que talvez não caibam no bolsa da maioria de nós, mas para quem gosta de moda é de encher os olhos, com certeza podemos apreciar tudo isso calmamente. Um belo passeio que enchemos olhos.

A loja é incrível! O relógio da entrada é um dos ícones do lugar. Ouvi-lo tocar às horas em ponto (já fiz vídeo para o Instagram!) faz parte do passeio.

Não é à toa que a Selfridges é a unica loja de departamentos do mundo a receber por duas vezes consecutivas o prêmio de “Melhor Loja de Departamento do Mundo.

Você logo vai perceber que as grandes lojas de departamentos tem a mesma estrutura: Perfumaria e maquiagem no térreo, e a Debenhams não foge à regra (#debenhams) . São 5 andares de moda feminina, masculina, infantil, brinquedos e decoração. A dica aqui é a sessão de moda festa e casamento. Há marcas ótimas e uma grande diversidade de modelos. Embora ela seja considerada uma loja de luxo, especialmente a flagship da Oxford Street, os preços em geral são acessíveis e há boas promoções praticamente durante todo o ano. Sempre dá pra comprar alguma coisa. Há também restaurante e patisserie, como em todas as outras lojas citadas aqui.

Finalizei com a John Lewis (#johnlewis) , adoro esta loja é uma das minhas lojas preferidas. Os preços não são tão básicos mas garimpando em épocas de promoções é possível fazer boas compras. Fico de olho só na liquidação dela. Para os fashionistas é uma lugar incrível, com marcas clássicas e modernas colocando tudo em harmonia. Se você é apaixonada por decoração de interiores vai amar a sessão de móveis e cama, mesa e banho. Finalizando há no último andar uma sessão de aviamentos e tecidos, com todo tipo de material para costura e trabalhos manuais que você possa imaginar.

As lojas de departamento, sem dúvida, em geral as têm as melhores promoções. Às vezes os preços caem até 90% (no final da promoção)!! Com paciência,  bons olhos e determinação você  pode atualizar seu guarda roupa ou sua casa.

Não fui desta vez na #harrods, pois estava com o horário apertado já, mas vou falar um pouco desta loja, pois merece ser comentada. A Harrods é o templo do luxo e da ostentação. Ali pode-se encontrar de tudo que há de mais exclusivo e caro no mundo. Diferentemente da Selfridges, a Harrods vende pele, e assim sempre se torna alvo de ativistas. Seu serviço de Personal Shopping, By Appointment, é digno de rainhas e reis. A Harrods hoje em dia pertence a família real do Catar.

O Food Hall da Harrods é simplesmente divino. O Hall de jóias finas também é de cair o queixo. Mesmo recebendo muitos turistas o ano inteiro, a Harrods é a loja dos milionários que vivem (ou tem uma propriedade) em suas cercanias. Suas vitrines de Natal são sempre belíssimas e riquíssimas. Eu só passeio nela, mas não tive tempo desta vez.

Fui comer uma comida japonesa estava com saudades… no Wasabi sushi. Rápido e com ótimo preço. Voltando pra casa, com mais pacotes. Ufa!

Espero que tenham gostado das dicas.

A MAGIA DE SER MULHER DEPOIS DOS 40.

José Saramago descreve bem o que sentimos. Quer ver?
Quantos anos tenho?

Tenho a idade em que as coisas são vistas com mais calma, mas com o interesse de seguir crescendo.

Tenho os anos em que os sonhos começam a acariciar com os dedos e as ilusões se convertem em esperança.

Tenho os anos em que o amor, às vezes, é uma chama intensa, ansiosa por consumir-se no fogo de uma paixão desejada.

E outras vezes é uma ressaca de paz, como o entardecer em uma praia.

Quantos anos tenho?

Não preciso de um número para marcar, pois meus anseios alcançados, as lágrimas que derramei pelo caminho ao ver minhas ilusões despedaçadas…

Valem muito mais que isso

O que importa se faço vinte, quarenta ou sessenta?!

O que importa é a idade que sinto.

Tenho os anos que necessito para viver livre e sem medos.

Para seguir sem temor pela trilha, pois levo comigo a experiência adquirida e a força de meus anseios.

Quantos anos tenho? Isso a quem importa?

Tenho os anos necessários para perder o medo e fazer o que quero e o que sinto.

Fonte:

https://www.50emais.com.br/38297/

LONDRES – QUAIS SÃO AS MINHAS LOJAS FAVORITAS (E DE MUITOS BRASILEIROS) EM LONDRES.

Minhas férias estão acabando… Vim passar o Natal e Ano Novo aqui em #londres na casa do meu filho e sua linda família. Curti bastante meu #netinho… #brincamos muitoooo.

Aproveitei ainda pra passar alguns dias em #paris curtindo a família da minha enteada e a minha netinha #francobrasileira. Conseguiram uns dias de folga e aproveitamos pra passear um pouco e almoçarmos juntos em lugares bem bacanas (descrito nos posts anteriores). Colocamos os assuntos em dia.

Estão em #greveemparis e os meios de transportes estão funcionando muito precariamente (muito ruim isso) atrapalhando bastante o #turismo em Paris, me prejudicou bastante nos passeios e nas compras… Usei taxi, era caro mas era a única opção.

Retornei depois de uma semana á Londres pelo #eurostar … confortável, rápido e muito prático. Foi difícil chegar na estação, pois estava tudo impedido nas proximidades dela. Ufa! Cheguei com dificuldade em cima da hora de partir. Caminhei com a mala e a mochila, mais de meia hora. Bem sofrido.

Meus netinhos estão lindos e muito engraçadinhos… Tem sido dias maravilhosos estar com eles… deu pra matar bastante as #saudades. Vou sentir muitas saudades.

Hoje foi dia de fazer #compras.l!!! Muito frio, vento e chuva por aqui. Deixei meu netinho na escola bem cedo e parti. Tinha até 15:00hs pra passear.

Londres está em #liquidação em muitas lojas agora, com descontos bons está é uma das melhor pra comprar… Janeiro e julho são épocas que os preços caem bastante.

Escolhi ir na região de Bromley Town mais perto da onde estou e mais tranquilo. Tem muitas lojas bacanas. #bromleytown

Uma dica conforme o valor que você gastar pode pedir (no caixa) o #taxifree em cada loja que comprar… pra pedir (é no aeroporto) e você vai receber o valor dos impostos pagos de volta. Pra isso tem que apresentar o passaporte no caixa, (eu levo o xerox plastificado com os meus dados do meu).

Minhas lojas escolhidas foram: 1.Marks & Spencer: As roupas são bonitas, de boa qualidade e o preço é justo.

2.H&M: Uma das minhas lojas favoritas. São roupas com muito estilo, de boa qualidade e os preços são ótimos. A loja #h&m fez parcerias com estilistas como Karl Lagerfeld, Lanvin, Donatela Versace e muitos nomes famosos no mundo fashion. Tem muitas coisas bonitas.

3.TK Maxx: É uma outlet que vende roupas de marca a ótimos preços. Garimpando bem nas araras, você pode achar jeans da marca Diesel até por 20 libras! Lá você vai encontrar peças com a assinatura Calvin Klein, Moschino, Valentino, French Connection, Dolce & Gabbana e outros nomes famosos. Além de roupas femininas, masculinas e infantis, os óculos e as bolsas e sapatos são uma tentação. Só tem que ter paciência e garimpar bem mesmo na #tkmaxx . Eu adoro fazer isso.

De casacos, bolsas ou blusas de estações passadas estão lá por um preço que parece bom demais pra ser verdade. Com paciência, é possível encontrar aqueles “achados” de marcas e designers famosas e tudo até 80% mais barato do que o preço de lançamento das coleções. Mas é preciso persistência para encontrá-los. Isso porque a TK Maxx também tem suas próprias linhas, e tudo fica exposto junto, não há divisão por marca.

4.Primark: Cheguei enfim ao incrível paraíso dos preços populares. Roupas, calçados, acessórios, lingerie, cosméticos, bijouterias, artigos para casa… tudo a preços muito baixos. Você não precisa de muitas libras para sair da loja #primark carregada de sacolas, mas de uma coisa você vai precisar… é de muita paciência. Está sempre superlotada e as filas dos caixas e dos provadores são quilométricas, melhor ir experimentando perto das prateleiras mesmo. Assim não perde tempo. Com vários espelhos espalhados pela loja fica fácil perceber se gostamos ou não.

5.Poundland: Se você acha que mesmo as lojas que parecem mais baratas ainda estão com os valores altos e fora do seu orçamento a #poudland é o lugar perfeito para você. A Poundland é uma loja onde (quase) tudo custa apenas 1 libra! É como se fosse as lojas de R$ 1,99 que existem no Brasil, mas com a vantagem de ter produtos com qualidade superior. É possível encontrar de tudo por lá, mas os chocolates são os mais procurados, como o chocalate belga Guylian. A loja tem de tudo um pouco. Sempre dou uma olhadinha nela… e levo algumas coisas.

6.Boots: A rede de farmácias mais conhecida da 🇬🇧 . Mesmo nas lojas menores, e possível encontrar um bom leque de produtos de saúde e beleza, incluindo cremes para pele, cabelos e maquiagem. Mas para quem quer uma maior diversidade de marcas, o ideal é explorar os corredores das lojas maiores, vai encontrar muitas coisas interessantes.

7.Uniqlo: Essa marca japonesa já tem loja em Londres há alguns anos, porém mais recentemente tem se tornado mais popular entre londrinos e visitantes. A linha #heatech, de camisetas feitas com um tecido térmico, excelente para o inverno europeu, é uma das minhas preferidas, assim como a jaqueta #ultralightdown. Disponível em diversas cores e tamanhos, a jaqueta é fina e quentinha suficiente para ser usada como uma camada extra embaixo do casacão de inverno, e compacta o suficiente para caber na bolsa de mão. As calças jeans e camisetas básicas, assim como os acessórios (cachecóis, meias, gorros e luvas) em várias cores, são peças coringa para o guarda roupa do viajante.

8.Tiger: Eu adoro a Tiger porque é um lugar ótimo pra comprar presentinhos bacanas, lembrancinhas úteis com um design legal e preço baixo – baixo mesmo, com peças a partir de £1. Pra mim, o forte da #tiger são as coisa para casa: desde escovinhas de limpeza pro banheiro e papel higiênico com estampa de Sudoku até porta velas fofos, cadernos e canetas e utensílios coloridos pra cozinha. Eles também vendem produtos pra cuidado pessoal (tipo cotonetes, creminhos, etc) e algumas coisas sazonais, como brinquedos de plástico para usar na areia da praia, frescobol e afins. Até chá e temperos eles tem! Comprei um pacotão de orégano lá por um preço ótimo – aliás, fiz várias comprinhas lá recentemente pra lembrancinhas (sempre antes de ir pro Brasil passo lá pra comprar presentinhos) e a conta não passou de £20.

É importante saber melhor como fazer o #taxifree. Um dos primeiros passos para conseguir o #reembolso das suas compras em Londres é perguntar na loja se existe a opção TAX FREE e se dão o formulário de reembolso VAT. Também é importante saber o valor mínimo da compra.

• more fora da União Europeia;

• saia do país e da União Europeia em até 3 meses depois da compra;

• apresente os bens, notas fiscais e formulário do reembolso VAT-407 das lojas na saída da EU.

Quando estiver na #alfândega do aeroporto é só mostrar os recebidos e artigos que comprou e o formulário preenchido. Vão carimbar o seu formulário. Depois que você passar pela segurança e controle, deverá procurar o balcão de reembolso “VAT Refunds – Travelex” antes do embarque. Em algumas lojas não é necessário esse último passo, já que fazem o retorno do dinheiro pelo cartão de crédito. Basta enviar o formulário carimbado pelo correio para a loja.

Hora de comer alguma coisa rápida e ir pra pegar meu neto e voltar pra casa. Escolhi o Pret: para qualquer refeição, do café da manhã ao jantar. Sanduíches, sopas, saladas e massas, numa proposta mais leve. Cada item é embalado individualmente. Coma no local ou compre para viagem.

Pra saber mais: https://www.google.com.br/amp/s/www.elondres.com/8-lojas-para-comprar-roupas-em-londres/amp/

https://www.google.com.br/amp/s/apureguria.com/europa/inglaterra/compras-em-londres/amp/

PARIS – VISITANDO O MUSÉE DE l’ORANGERIE – MONET.

Hoje fui visitar o museu Musée de l’Orangerie que está localizado dentro do Jardin des Tuileries. É um dos museus em Paris com jardins mais belos… são repletos de fontes e esculturas de diferentes períodos. Caminhamos um pouco no Jardin des Tuileries… que está entre o Museu do Louvre e a badalada Champs-Élysées… antes de entrar nele até a Place le lá Concórde, onde pudemos ver o imenso Obelisco de Luxor (23 metros de altura)… ao fundo dá pra ver o Arco do Triunfo (da qual está alinhado) e também ao lado a Torre Eiffel que estava bem coberta pela neblina da metade para cima. É muito interessante.

O museu possui obras renomadas do pintor Claude Monet e outros artistas como: Renoir, Gauguin, Matisse, Cézanne, Modigliani entre outros.

Eu amei visitar as salas com os murais dos nenúfares de #monet… as Les Nymphéas que vistas ao vivo são simplesmente extraordinários. A maior composição mede 17 metros, e para sua execução utilizou 4 painéis. A menor tem 6 metros de comprimento. Todas tem 2 metros de altura. Imaginem essas oito imensas composições murais conformadas por 22 painéis… Fiquei encantada com estas pinturas monumentais das flores sobre as águas, reflexos e nuvens.

Monet não chegou a ver sua obra exposta, faleceu em dezembro de 1926 e o museu foi inaugurado em maio de 1927.

Adorei um quadro de Luigi Russolo, o La Revolte, bem colorido. O museu estava com pouco movimento devido a greve em Paris. Vale a pena conhecer.

Horários: Aberto todos os dias, menos às terças,das 9h às 18h. Fechado no dia 1° de maio, na parte da manhã de 14 de julho e em 25 de dezembro. Preço: 7 € por pessoa. Grátis no primeiro domingo do mês e para europeus ou residentes na Europa com menos de 26 anos. Mais informações no site do museu.

Endereço: Jardin de Tuileries (ao lado do Rio Sena)

#lesnympheas #jardindetuileries #monet #claudemonet #paris #placelelaconcorde #obeliscodeluxor #arcodotriunfo #museus #museedel’orangerie #envelhecer #envelhecerbem #viagens #viagem

A GENTE VAI EMBORA E…

img_5666Eh!!!! Não sabemos dar valor nesta riqueza que é o nosso Tempo. Deixamos ele passar sem nos dar conta da sua real  importância… Tempo é assim inegociável…. perdeu, perdeu mesmo…. ele não volta mais.                            Vai deixar lembranças, um gostinho de quero mais ou marcar algum momento importante da nossa vida. Sempre podemos (re) lembrar dele, resgatar algo…. reviver.                                                                                               É importante percebermos que o tempo passa rápido e devemos escolher o que for mais importante para priorizar o uso do nosso tempo. Deixar passar as coisas que sugam nossas energias e não são tão importantes assim.  Adorei esta texto do jornalista e professor Sérgio Cursino. Verdade pura! Dá uma boa reflexão, espero que gostem e que possamos aproveitar muita mais e melhor ele… o nosso TEMPO.

A GENTE VAI EMBORA e fica tudo aí,

os planos a longo prazo e as tarefas de casa,

as dívidas com o banco,

as parcelas do carro novo que a gente comprou pra ter status.

A GENTE VAI EMBORA sem sequer guardar as comidas na geladeira,

tudo apodrece, a roupa fica no varal.

A GENTE VAI EMBORA, se dissolve e some toda a importância que pensávamos que tínhamos,

a vida continua, as pessoas superam e seguem suas rotinas normalmente.

A GENTE VAI EMBORA as brigas, as grosserias, a impaciência, serviram para nos afastar de quem nos trazia felicidade e amor.

A GENTE VAI EMBORA e todos os grandes problemas que achávamos que tínhamos se transformam em um imenso vazio, não existem problemas.

Os problemas moram dentro de nós.

As coisas têm a energia que colocamos nelas e exercem em nós a influência que permitimos.

A GENTE VAI EMBORA e o mundo continua caótico, como se a nossa presença ou ausência não fizesse a menor diferença.

Na verdade, não faz.

Somos pequenos, porém, prepotentes. Vivemos nos esquecendo de que a morte anda sempre à espreita.

A GENTE VAI EMBORA, pois é.

É bem assim: Piscou, a vida se vai.. .

O cachorro é doado e se apega aos novos donos.

Os viúvos se casam novamente, andam de mãos dadas e vão ao cinema.

A GENTE VAI EMBORA e somos rapidamente substituídos no cargo que ocupávamos na empresa.

As coisas que sequer emprestávamos são doadas, algumas jogadas fora.

img_4484

Quando menos se espera, A GENTE VAI EMBORA. Aliás, quem espera morrer?

Se a gente esperasse pela morte, talvez a gente vivesse melhor.

Talvez a gente colocasse nossa melhor roupa hoje,

talvez a gente comesse a sobremesa antes do almoço.

Talvez a gente esperasse menos dos outros,

Se a gente esperasse pela morte, talvez perdoasse mais, risse mais, saísse à tarde para ver o mar, talvez a gente quisesse mais tempo e menos dinheiro.

Quem sabe, a gente entendesse que não vale a pena se entristecer com as coisas banais,

ouvisse mais música e dançasse mesmo sem saber.

O tempo voa.

A partir do momento que a gente nasce,

começa a viagem veloz com destino ao fim – e ainda há aqueles que vivem com pressa!

Sem se dar o presente de reparar que cada dia a mais é um dia a menos, porque A GENTE VAI EMBORA o tempo todo, aos poucos e um pouco mais a cada segundo que passa.

O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO COM O POUCO TEMPO que lhe resta?!

Que possamos ser cada dia melhores e que saibamos reconhecer o que realmente importa nessa passagem pela Terra!!! Só isso.

Até porque, A GENTE VAI EMBORA…

A GENTE VAI EMBORA….

PARIS – PASSEANDO PELO BAIRRO LE MARAIS.

Meu bairro preferido para ficar, comer, me divertir e passear em Paris é o Le Marais. #lemarais

Hoje fui passear lá (4.º arrondissement), também conhecido como SoMa (South Marais), é um bairro elegante, boêmio e agitado, que mistura galerias de arte, hotéis, restaurantes, lojas de grife, bares, bristrô e cafés… está repleto de boutiques modernas… Foi muito bom caminhar por lá… são ruas estreitas, perfeitas para se andar a pé. O tempo está firme e muito frio.

Fui na Uniqlo, uma loja conceitual que eu adoro. Tem roupas básicas e de boa qualidade (nos itens de frio, a tecnologia impera). Adoro seus casacos leves, coloridos e confortáveis…as roupas internas que não retém suor e tampouco deixam passar o frio e o melhor: tudo com preço super justo. #uniqlo

Depois do almoço passeamos também pela verdejante Place des Vosges com seus arcadas elegantes, Musée Victor Hugo, Museu Pompidou e a Praça da Bastilha. #museupompidou – #praçadabastha – #paris

Demos uma passadinha no Le Comptoir de Mathilde, comprar chocolates, azeites, patês e temperos com truffles. Adoro. #lecomptoirdemathilde

Hora de voltar e descansar.

Valeu! Até a volta Le Marais.

#paris #envelhecer # #envelhecerbem #viagens #viagem

#lemarais #placedesvosges #museupompidou #uniqlo #praçadabastilha

PARIS – ALMOÇO NO EAST MAMMA.

Hoje passeamos de manhã pelo bairro #mercy até próximo a Place de la Bastille e almoçamos num restaurante italiano muito bom do grupo Big Mamma (fundada por dois jovens de menos de 30 anos – #bigmamma) fomos no East Mamma. (#eastmamma)

Servem comida italiana popular, simples e tradicional de forma leve, descontraída, jovem e contemporânea sem o peso dos clichês. O cardápio são variados e deliciosos, tanto a comida quanto os vinhos servidos lá. Eu escolhi um talharim com truffles que estava delicioso, daqueles de comer ajoelhado…

O atendimento é feito por italianos que são super atenciosos.

Como o restaurante está sempre cheio, fomos as 12:00 pra não arriscar de pegarmos fila. Sugiro fazer o mesmo, ainda não fazem reservas.

133 rue du Faubourg Saint Antoine, 75011 Paris França

Se quiser saber mais:

https://www.bigmammagroup.com/fr/accueil