7 LIÇÕES DE UMA MULHER DE MAIS DE 100 ANOS PARA VOCÊ PRATICAR EM 2020.

Sempre gostei de conhecer dicas pra envelhecer bem. Geralmente a maioria delas fala sobre bom humor, cuidados com a saúde (bons hábitos alimentação, movimentar-se…) e aprender entre outros. Isto sempre me faz refletir que temos mais tempo de vida hoje, e precisamos usar muito bem. Esta entrevista eu achei bem interessante. Leia:

Dê uma boa olhada na foto abaixo. Somos eu e Eugênia Fischer, avó de uma grande amiga, que, desde que comecei a escrever o Ageless, me dizia: “Você precisa conhecer minha avó”. O retrato foi feito no nosso encontro para um café na última semana (mostrei mais fotos e vídeos com ela no meu Instagram, me siga lá: @silviaruizmanga). #eugeniafischer #silviaruizmanga

Posso dizer que foi uma das entrevistas mais emocionantes que já fiz. Por que? Porque a Eugênia tem nada menos do que 103 anos e é uma das mulheres mais inspiradoras que eu conheci. E depois do nosso papo o significado de Ageless, sem idade, ganhou ainda mais sentido para mim. Eugênia é a prova viva de que idade não é limite para nada. #ageless

Ela nasceu em Buenos Aires e se mudou para o sul do Brasil ainda criança. Como a maior parte das mulheres de sua época, casou cedo, teve três filhos, era dona de casa, nunca precisou trabalhar. Mas diferente também das mulheres do seu tempo, Eugênia não se acomodou com essa vida. Dentro dela havia uma mulher cheia de opinião e com necessidade de independência. Depois dos 50 anos ela achou que era hora de sair da gaiola. A primeira providência foi terminar um casamento que não a fazia feliz. E o começo da fase mais feliz da vida dela foi justamente aí, depois dos 50!

Pratique o otimismo:

A querida dona Eugênia me deu algumas lições de vida que vão me acompanhar em 2020 e para sempre:

“Saber envelhecer é uma arte. Eu sei envelhecer. Eu recebo tudo da maneira que tenho que receber. E mesmo as situações mais difíceis eu consigo superar. Porque eu sou otimista! “

A vida nem sempre foi tranquila, Eugênia perdeu muitas pessoas queridas ao longo da jornada, inclusive uma das filhas recentemente. Mas ela segue com um olhar de otimismo e bom humor impressionantes. “A gente tem que aprender a deixar as coisas passarem, sem nos abater. Tudo melhora. “

Livre-se de relações tóxicas:

Terminar um casamento depois dos 50 anos é sempre muito difícil. O medo de ficar sozinho ou de não ter um companheiro para o fim da vida, por exemplo, pode fazer muita gente manter uma relação mesmo que ela faça mais mal do que bem. “Hoje eu não me casaria jamais. Me separei depois de 28 anos de casada e foi a melhor coisa que eu fiz. Não tive medo de nada, eu queria ser livre e viver”, diz Eugênia.

Não teve medo nem do julgamento social da época? “Naquela época eu nunca soube de ninguém que fosse separada. Não tinha separação. A mulher que se separava era vista como vagabunda. Levava a culpa. O homem não. Mas eu não tive medo de nada.  A gente não pode viver em um casamento infeliz!”

Nunca deixe de estudar:

Você é daquelas que acha que já está velha para aprender? Ou para voltar para a faculdade? Pois a Eugênia fez curso superior aos 50 anos. Estudou Turismo e ainda deu aulas. E há mais de 20 anos ela é aluna da Universidade Aberta da Maturidade da PUC, em São Paulo. Vai religiosamente às aulas, onde é a veterana da turma que virou sua segunda família.

“Eu nunca parei de estudar. Minhas melhores amigas hoje são minhas colegas da faculdade, que é minha segunda casa. ” Acha que está tarde para aprender outro idioma? Eugênia fez intercâmbio nos Estados Unidos aos 80 anos! Você leu direito: aos 80! Foi sozinha para os EUA, se instalou em uma casa de hospedagem para estudantes estrangeiros por três meses. “Um dia o diretor da universidade veio falar comigo. Disse que era melhor eu ir embora porque não poderia se responsabilizar por mim caso algo de errado acontecesse”, diz ela aos risos. “Todos os dias me encontrava e dizia: por favor, se cuide”.

Leia o máximo que puder:

Eugênia me mostra orgulhosa a estante cheia de livros que juntou ao longo da vida. “Eu sempre li muito, sempre foi meu maior prazer. Minha cabeça está bem até hoje muito em função da leitura. Minha maior tristeza hoje é não conseguir mais ler. Há quatro anos minha visão piorou muito já não consigo ler, mesmo com lente de aumento. “

Durma bem, coma direito e movimente o corpo:

“Eu sempre dormi muito. Como não precisava trabalhar, acordava tarde. Dormir bem faz bem. Eu gosto de dizer que vivo tanto porque fui muito bem conservada”, brinca ela. A alimentação equilibrada foi uma preocupação constante na vida de Eugênia. “Eu sou hoje o que fui a vida toda. Não como gorduras, detesto! E também não como doces, jamais. Nem mesmo em festas. Não gosto”. Caminhar muito sempre foi a regra na vida dela. Até hoje vai a pé para a faculdade que fica a alguns quarteirões de sua casa em São Paulo.

Como podemos ver, Eugênia praticou a vida toda o que é recomendado por qualquer médico hoje em dia para quem quer prevenir doenças: dormir bem, se alimentar sem exageros, passar longe do açúcar e fazer atividade física. Estilo de vida é tudo!

Seja vaidosa por você, não pelos outros, e não se “abandone”

Eugênia está sempre arrumadíssima. O cabelo impecável, anel brincos e colares combinando, roupas modernas que em nada lembram a de tantas velhinhas que conhecemos. Não tem vontade de ficar de pijama quando está em casa? “De jeito nenhum! Jamais! Me arrumo para mim, não para os outros. Acho um respeito comigo mesma levantar e cuidar de mim, me arrumar para a vida. ” Segredo de beleza? Nenhum, ela garante que nunca teve neuras com isso. Fez uma plástica no rosto aos 50, passa apenas um creme na cara há anos (diz que tem até esquecido ultimamente), mas tem uma pele impressionante! Ela garante que é culpa do tal otimismo.

Não deixe de se divertir:

Eugênia conta que uma das melhores fases da vida dela foi aos 80 anos. “Foi a época em que eu mais viajei”. Ela ama conhecer novos lugares e viajou pelo mundo, nunca deixou o marasmo tomar conta da vida. Outro programa que ela adora é jogar em cassinos. A festa de 100 anos, aliás, foi em um cassino em Foz do Iguaçu para onde viajou com filhos e netos em 2015. “Graças a deus aqui no Brasil é proibido”, diverte-se Eugênia.

Meus votos para você em 2020 é que você seja tão livre e dono de si quanto a querida Eugênia. Que você pratique o otimismo, cuide de você mesmo, acredite que nunca é tarde para ser feliz. Muito menos para ser Ageless.

Fonte:

https://www.google.com.br/amp/s/ageless.blogosfera.uol.com.br/uol_amp/2018/12/21/sete-licoes-de-uma-mulher-de-mais-de-cem-anos-para-voce-praticar-em-2019/

Veja também:

https://oterceiroato.com/2020/02/28/como-eu-quero-envelhecer/

O VALIOSO TEMPO DOS MADUROS!

Nosso gênio literário Mário de Andrade, poeta, escritor, crítico literário, musicólogo, folclorista, ensaísta e fotógrafo brasileiro… escreveu este texto maravilhoso. Além de ter inspirador da uma boa reflexão 😉

“Contei meus anos e descobri que terei menos tempo pra viver daqui para frente do que já vivi até agora. Tenho muito mais passado do que futuro. Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de cerejas.

As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço. Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte. Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha. Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica, são imaturos. Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa. Sem muitas cerejas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana: que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade, quero caminhar perto de coisas e pessoas de verdade. O essencial faz a vida valer a pena. E para mim, basta o essencial!”

FILHO… DESEJOS DE UMA MÃE AO FILHO QUANDO SE CASOU.

Carta que entreguei ao meu filho, quando se casou. Acredito que são os desejos das maiorias das mães aos seus filhos…

Meu Filho, sempre procurei te orientar e proteger, participando de tudo na sua vida. Desculpe das vezes em que não consegui! Temos muito o que brindar e ainda muito mais por vir… De menino ao homem que se tornou, só tenho do que me orgulhar. Te amo muito e me orgulho muito de tudo em você. Do grande homem que se tornou. Conte comigo sempre! Estou muito feliz em ver que agora vai se casar e construir a sua família… aumentando a nossa.
Tenho muito ainda para te dizer e te mostrar, mas nada mais importante que isso… Ame! Ame muito. Demonstre seu amor e afeto a todos que ama (não sinta vergonha disso). A coisa mais importante que podemos ter na vida, é a nossa Família. Ela é tudo, nosso chão… nossa força, nossa raiz, nossa fortaleza é a nossa vida. Proteja-a sempre de tudo que lhe fizer mal… e cuide muito bem dela… Ela nos fortalece, nos da equilíbrio, nos traz conforto, nos dá paz… enfim nos da tudo o que precisamos para ser felizes…
Que você e a sua esposa recebam todas as minhas bênçãos e consigam realizar todos os seus sonhos. Sonhem muito. Sonhem alto. Ousem. Voem. Se amem, se respeitem, dividam seus problemas e sucessos… busquem sempre o companheirismo e a parceria em tudo o que fizerem… Dialoguem! E conversem sempre muito. Reflitam juntos. Estarei sempre bem pertinho de vocês, pra o que der e vier…contem sempre comigo!!!!! Sempre.
Se puder dar mais alguns conselhos, aqui vai:
 Persiga metas possíveis de serem alcançadas;
 Sempre sorria espontaneamente e genuinamente;
 Divida com os outros;
 Ajude os necessitados;
 Não julgues ninguém;
 Não faça com ninguém… o que não quer para você;
 Aprenda com seus erros;
 Seja capaz de enxergar o “lado bom” das coisas;
 Aprenda…. reaprenda;
 Mantenha seu espírito jovem;
 Se relacione com ricos, pobres, bonitos e feios;
 Sob pressão, mantenha-se calmo!
 Conte ate dez… mil… dez mil… milhão;
 Paciência, paciência, paciência!!!
 Surfar na Internet por prazer;
 Corra riscos calculados;
 E compreenda “Dinheiro não é tudo!”
 Use seu humor para aliviar o stress;
 Se cair, aprenda e levante-se rapidamente;
 Mantenha em alta sua confiança e autoestima;
 Perdoe aos que te incomodam;
 Respeite as diferenças… em todos os sentidos;
 Vez ou outra permita-se quebrar as regras;
 Tenha alguns amigos em quem confiar;
 Coopere e consiga as melhores recompensas;

 Valorize cada momento com quem você ama;
 Seja companheiro de quem ama você;
 Nunca magoe os que o amam. Repense;
 Proteja sua família;
 Afaste-se do que te faz mal…ou aos seus!
 Saiba que tudo passa!
 Por isso aproveite bem o momento presente;
 Construa seu “futuro” ouvindo seu coração;
 Ame e viva intensamente;
 E o que demais importante temos sempre… A nossa Família!

Ps: Depois de uns anos relendo a carta acrescento…. Nós começamos assim, com o seu casamento… Temos muitas histórias pra contar…E ainda vamos ter muitas outras, tantas histórias a serem construídas…. Agora chegando nosso primeiro pequerrucho… seu filho… nosso João Pedro… fruto do seu amor com a sua esposa… vamos ter milhões de histórias pra viver e ser lembradas. Mal posso esperar pra ele chegar!

Veja também: https://oterceiroato.com/2020/03/23/ser-avo-pela-primeira-vez-e-maravilhoso/ https://oterceiroato.com/2020/03/15/partidas-e-chegadas/

PARA MULHERES MADURAS CONSELHOS DE UM MÉDICO.

Aconselhamento de um médico para mulheres em 2020… Achei muito interessante. Um médico decidiu compartilhar algumas palavras de aconselhamento para as mulheres via WhatsApp. O conselho é simples e direto. Compartilhe com todas as mulheres por aí para que elas possam ficar mais saudáveis e melhores em 2020. Agora com a #quarentena do #coronavírus, ficar em casa se tornou a nossa melhor e única opção, quanto menos stress, melhor será pra nós, principalmente neste período de confinamento. Portanto relaxe… e aproveite pra se autoconhecendo melhor. Seja sua melhor companhia.

  1. Neste tempo atual, onde estamos confinados em casa, afetados pelo coronavírus… a “higienização das mãos” tornam-se essenciais e uma norma para a nossa segurança e de seus familiares. Use Álcool gel na impossibilidade de usar água e sabão. Desinfete com água sanitária tudo que usar fora de casa. Se proteja bem.
  2. Só saia de casa só por devida necessidade, e faça sempre toda a higienização conforme as orientações. Higienize tudo… sapatos, roupas, celulares, chaves… que voltou com você para casa, e separe. Evite aglomerações. Mantenha uma distância de 2 m da outra pessoa. Respeite você e as outras pessoas.
  3. Você não pode terminar todas as tarefas da casa em um dia. Crie “rotinas leves” e bem distribuídas pelos dias da semana pro seu dia a dia ficar melhores. Aqueles que o fizeram muita coisa junta ao mesmo tempo, estão estressadamente doentes e alguns já estão enterrados. Tenha um tempo pequeno pra cada atividade, variando na semana e nos períodos…
  4. Por favor, crie um “tempo para descansar” e relaxar… não é pecado sentar, colocar as pernas em cima da mesa e pegar pipoca enquanto assiste TV. Não fique assistindo notícias o tempo todo, isto pode causar stress, escolha um horário só pra se atualizar do que está acontecendo. A ociosidade faz bem a todos. Relaxe!
  5. Por favor, durma bem pelo menos 7 horas ou o necessário, para que a dor de cabeça vá. Crie um ambiente gostoso e prazeroso pra relaxar. Crie ritual e tire de perto tudo que pode atrapalhar. Aqueles que se recusam a parar um pouco… a tirar férias, pra sair da sua rotina, ou a descansar com suas famílias algumas vezes por ano… sentirão falta deste tempo no futuro.. Permita-se parar um pouco.
  6. Pare de tomar sedativos para dormir, você está destruindo seu cérebro e órgãos. Em um ponto, você começará a esquecer as coisas. Relaxe o cérebro, se preocupe menos, pense menos, ria mais, sorria mais… aprenda a meditar, respirar calmamente e melhor. Tudo vai passar com o tempo.
  7. Às vezes, sente-se do lado de fora da casa, no jardim, no terraço… ou olhe na janela em silêncio por conta própria, não diga nada, apenas admire a obra de Deus, respire ar fresco com calma. Aprecie a beleza do céu e da natureza ao seu redor. Não se apresse.
  8. Mantenha seu sorriso no espelho para si mesmo… ria, dance e cante, que ativa a memória positiva ao seu redor para que você possa brilhar. Se ame, antes de depender do amor de outros.
  9. Compre um lanche ou dois, faça uma comida diferente e beba um bom suco de uva ou uma taça de vinho. Se cuidem melhor com uma alimentação saudável e saborosa.
  10. Obtenha os aparelhos domésticos e use as tecnologias necessários para facilitar o seu trabalho e a sua vida, a fim de evitar o estresse e o cansaço desnecessário. O estresse é o maior assassino silencioso de mulheres.
  11. Se você não está se sentindo bem, diga algo, faça algo a respeito, vá ao centro de saúde, hospital ou chame uma enfermeira próxima, não fique esperando o marido comprar remédios. Ele pode voltar tarde, sua vida importa. Mas só vá ao PS se realmente necessitar.
  12. Verifique ocasionalmente a sua pressão arterial e o nível de açúcar, se você está doente ou não. Faça um checkup regularmente com seu médico e siga as orientações com presteza e atenção conforme solicitado… todo cuidado é importante. Isto já salvou muitas mulheres no passado. Confie em mim nisso.
  13. Leia livros e revistas, assistam a filmes e série… TV a cabo Netflix estão aí pra nos ajudar. Use e abuse da internet, das Redes Sociais e das interações com WattsApp… Faça pipoca, tome um chá ou um café… A distração é muito importante.
  14. Abuse dos delivery’s compre comida, roupas, artigos de beleza, bijuterias, farmácias, gêneros de limpeza e alimentação. Elas vieram pra facilitar nossas vidas.
  15. Aprenda com a internet, tem muitos cursos gratuitos de diferentes assuntos dando a possibilidade de aprendermos sobre muita coisa interessante. Busque algo que você goste e mais a abra.

CORONAMOR🦠

E assim, um dia, o mundo se encheu da desastrosa promessa de um apocalipse viral e, de repente, as fronteiras que foram tão defendidas com guerras se quebraram com gotículas de saliva, houve equidade no contágio, que foi distribuído igualmente aos ricos e pobres, as potências que se sentiam infalíveis viram como se pode cair ante um beijo, ante um abraço.

E nos demos conta do que era importante, e então uma enfermeira se tornou mais indispensável que um jogador de futebol, e um hospital se tornou mais urgente que um míssil. As luzes foram apagadas nos estádios, os filmes pararam de ser filmados, acabaram as missas e os encontros das multidões.

E então, no mundo, houve tempo para refletir sozinho, e esperar em casa que todos chegassem para se reunirem em frente às lareiras, mesas, cadeiras de balanço, redes e contar histórias quase esquecidas.

Três gotículas de ranho no ar nos levaram a cuidar dos nossos anciões, a valorizar a ciência acima da economia, a ouvir agora que não apenas os indigentes trazem pragas, que nossa pirâmide de valores estava invertida, que a vida sempre veio primeiro e que as outras coisas eram acessórios.

Não há lugar seguro, na mente de todos nós cabem todos, e começamos a desejar o bem ao próximo, precisamos que ele se mantenha seguro, que não fique doente, que viva muito, que seja feliz, e, junto com uma paranóia fervida em desinfetante, nos damos conta que se eu tenho água e ele, que vive mais distante não, minha vida está em risco.

Voltamos a ser uma aldeia, a solidariedade se tinge de medo e com o risco de nos perdermos isoladamente, percebemos que há apenas uma alternativa: sermos melhores juntos.

Algo invisível chegou e colocou tudo no lugar. De repente os combustíveis baixaram, a poluição baixou, as pessoas passaram a ter tempo, tanto tempo que nem sabem o que fazer com ele, os pais estão com os filhos em família, o trabalho deixou de ser prioritário, as viagens e o laser também.

De repente silenciosamente voltamo-nos para dentro de nós próprios entendemos o valor da palavra solidariedade.

Num instante damos conta que estamos todos no mesmo barco, ricos e pobres, que as prateleiras dos supermercados estão vazias e os hospitais cheios e que o dinheiro e os seguros de saúde que o dinheiro pagava não têm nenhuma importância porque os hospitais privados foram os primeiros a fechar. Nas garagens estão parados igualmente os carros de última geração ou ferro velhos antigos simplesmente porque ninguém pode sair.

Bastou meia dúzia de dias para que o Universo estabelecesse a igualdade social que se dizia ser impossível de repor. O MEDO invadiu todos Que ao menos isto sirva para nos darmos conta da vulnerabilidade do ser humano.

Não se esqueçam- BASTOU MEIA DÚZIA DE DIAS.

Este autor desconhecido disse tudo pra nossa reflexão.

EU QUERO MENOS!

“Eu quero menos! Menos distração e mais trabalho, menos ausências, mais persistência, menos complicação… mais descompressão. Menos receios e mais riscos, menos dito pelo não dito. Quero menos. Mais ação! Menos boas pessoas, mais comprometimento, menos ôba ôba, menos rompimentos! Mais seriedade, menos displicência, menos malevolência. Eu quero menos. Quero muito menos. Menos de mim e mais de nós, quero menos conversa, mais entrega – Porque gente que diz que faz há aos montes!” Assim como Marta Medeiros diz… EU QUERO MENOS! Pra ser feliz.

ENVELHECER ESTÁ SENDO BEM MELHOR DO QUE PENSEI…

Confesso que tive medo desta hora chegar. Parecia que ia demorar tanto, tava tão longe de mim, mas num piscar de olhos… lá estava eu com sessenta anos. Simplesmente assim!

Percebi que não mudei nada. Isso mesmo… nadinha de nada!!! Me senti igualzinha… ou melhor parece que trouxe uma certa leveza, uma paz grande, tipo calma na alma sabe… e veio junto a sensação de dever cumprido.

Está bem melhor do que eu pensei vivenciar este meu envelhecer…

Tudo passou tão rápido, que não deu nem pra perceber as tais mudanças ou o que a maturidade e a longevidade tem me trazido. Aconteceu assim aos pouquinhos.

Percebo de longe que é bem melhor do que eu pensava antes. Ainda bem… melhor assim rsrsrs.

Já não tenho mais tanta pressa. Saboreio melhor e com mais qualidade tudo que está ao meu redor. Faço tudo acontecer com intensidade.

Já não tenho o corpo da juventude, algumas limitações da idade vão surgindo aos poucos… o jeito é pensar melhor em como podemos fazer para melhorar… e seguir em frente, assim continuaremos muito bem obrigada.

Estou tomando certos cuidados que antes foram adiados… mas que agora se tornam imprescindíveis para o meu bem estar e o meu futuro.

Minha saúde passou a ser uma das minhas prioridades, afinal vamos precisar estar bem, não é?… Tratar bem nosso corpo, pra poder fazer tudo o que queremos… será necessário e assim se possível ultrapassarmos os 100 anos.

Agora eu só quero é viver com mais qualidade de vida, ser feliz e com muito mais prazer. Minha felicidade está sendo bem percebida por todos me cercam e mantida como prioridade.

Sim é possível! Se até agora não se preocupou com isto, assim como eu… agora é a hora de começar. Nunca é tarde! Arregacei as mangas e me joguei.

Requer sim algumas mudanças, não é tão difícil, mas atenção e “disciplina” e o “foco” são necessários daqui pra frente. Precisaremos mudar alguns coisas e velhos hábitos… Como? Tenho planejado mais e com antecedência as coisas, estou usando meu #wishplanner que ajuda muito.

Tenho tantas coisas pra fazer ainda que vou priorizar as que mais me agradam. Pra quem quiser vir comigo vou dar algumas dicas… Vem comigo:

Simplifiquei minha vida. Quero paz e amor. Viver é ser feliz!

Cuido melhor da minha saúde. Adiei até agora, tenho que confessar, mas hoje não dá mais. Pratico atividades físicas sim. Me movimento mais e mudei velhos hábitos alimentares, isto tudo tem modificado minha vida já. Comecei então a “caminhar” mais, a fazer o Pilates e o Tai Chi Chuan. Disciplina e frequência estão sendo necessários para obter um melhor resultado. Estou firme. Minha alimentação está mais equilibrada. Pouco sal e açúcar, menos frituras… Muitas frutas, fibras, legumes e proteínas. Carboidratos só o necessário e integral para dar mais energia. Sem exageros.

Melhorei a hidratação, tento beber (1 1/2 litros) mais água por dia. O melhor é ver os exames médicos estar melhorando. Anima muito.

Participo ativamente (ideias/ projetos/ cursos/ imersões…) dos movimentos que acontecem em São Paulo sobre longevidade: #maturyjobs #trabalho60mais #maturiday #lab60+ #expolongevidade entre outros. Estou com a agenda cheia rsrsrs.

Convivo mais e melhor com meus pares. Me cerco de pessoas queridas. Marco cafés/almoços com velhas e novas amigas. Papeio, troco ideias, aprendo, troco experiências enfim coloco a conversa em dia. Mantenho minha “interação” ativada plenamente. Eu adoro participar do #café&prosa preparado mensalmente pela Rosângela da #it_avo, super indico.

Aprendo coisas novas sobre assuntos diversos que eu gosto: Artes/Fotografia/Línguas/ Dança/ Cultura/ Contos/ Escrita/ Informática/ Redes Sociais/ Caminhar pela cidade… Em 10 de fevereiro vão abrir as inscrições na USP para a terceira idade, já estou de olho sobre o que vou querer fazer este ano. Tem vários lugares também interessantes pra se aprender e ir. A maioria são de graça.

Me atualizo sobre as novas tecnologias desse mundo virtual que tanto estão fazendo parte do nosso dia a dia atualmente: como usar melhor a Internet, os smartphones e as redes sociais que são hoje uma das minhas prioridades. Tenho muito que aprender ainda.

Amo muito meu marido e minha família. São a melhor coisa que tenho na vida. Meu legado. Dou e recebo atenção. Ouço e falo. Conversamos sempre, refletimos sobre várias questões. Procuramos estar juntos sempre que podemos. Trocamos ideias. muitaaaaas conversar e risadas. Convivemos muito bem, obrigada! Colhemos o que plantamos. Eu plantei amor ❤️. Tento aparar as arestas pra arrumar a casa, sempre.

Conviver mais com a família que mora mais distante. Eu faço anualmente um planejamento grande para o primeiro e o segundo semestre, já que tenho filhos e suas famílias morando fora do Brasil. Morro de saudades deles, e quero participar de todo o desenvolvimento dos meus 3 netinhos muito queridos. Meta minha ir de 1 á 2 vezes ao ano no seu País, para estarmos mais juntos… ou virem aqui pra casa. Preferencialmente nos seus aniversários, Natal e Ano Novo. A internet ajuda na saudade. Mantemos contato quase que diário.

Viajo… viajo… Organizo as minhas viagens do Ano com bastante antecedência, faço pesquisas e compro as passagens aéreas com antecedência e divididas em vários meses, o que facilita muito. Quando começo a viagem, esta parte está paga ou quase terminando. Economizo em tudo que posso.

Sou uma vovó super coruja. Meus 3 netinhos moram longe, então passo uma temporada com eles nas férias ou quando podemos e faço com que estes momentos sejam únicos e intensos pra eles e pra mim. Rimos, nos divertimos, cantamos, dançamos, passeamos, brincamos, fazemos picnics e vamos assim construindo tantas histórias lindas em parceria que dão fôlego até os nossos próximos encontros. Registro tudo que posso: tiro fotos, faço vídeos, invento brincadeiras… o que der na veneta. Estou fazendo pra eles um álbum de memórias contando a história da minha vida. Espero que eles queiram ler quando cresceram, pra trazer doces. lembranças. A saudade mora em mim.

Planejo minha vida financeira. Faço um planejamento financeiro, custei a aprender isto (até hoje apanho muito ainda)… isto tem me ajudado e controlar melhor meus gastos. Tento não usar o cheque especial e controlo os gastos com o cartão de crédito mensal (usei paguei tudo).

Economizo em tudo que puder. Aprendi a comprar somente àquilo que realmente preciso e quero. O consumismo de fato deixou de acontecer muito comigo. Reflito bem sobre as minhas reais necessidades e não caio mais nas armadilhas das liquidações.

Reaproveito também tudo o que posso, e ainda ajudo o planeta. Este novo hábito tem me ajudado a descobrir muitas coisas. Uso a minha criatividade. Fim do desperdício.

Minha casa mais segura. Deixo tudo organizado e arrumado, cada coisa tem seu lugar. Faço manutenções constantes na casa e eletrodomésticos. Duas vezes ao ano verifico datas de validade dos produtos na despesa (jogo fora os vencidos) e o que não me serve mais, doo se servir para alguém. Cuidado com tapetes e fios soltos; uso corrimãos e grades que tem que estar em bons estado; arrumo os equipamentos quebrados.Assim aos poucos tudo fica bem melhor.

Doe: Duas vezes ao ano eu doo tudo que não vou usar mais e pode servir para alguém. Faço um chá com bolachas em casa convido amigos e família, escolhem o que querem ficar, passamos uma ótima tarde juntas… o resto doo para alguém que precisa. Renovo as energias da casa.

Durmo melhor minhas 8 horas diárias. Preparo antes meu ambiente tranquilo no quarto, sem TV e eletrônicos na cama. Nem mais nem menos.

Tenho muitos pensamentos positivos. Atraímos o que pensamos. Um olhar para a vida com bom humor e de superações são muito importantes para a minha vida envelhecemos com positividade na alma. Tudo é um grande aprendizado e sei que tudo passa!

Exercícios mentais tem sido mais frequentes agora. Tenho procurado manter a minha mente ativa e aberta ao novo. Leio, escrevo, aprendo línguas, faço palavras cruzadas, sudoku, joguinhos por aplicativos… Participo de redes sociais. Isto tudo me mantes bem ativa. Tenho que ter tempo de pausas também.

Digo não! Escolho não ter companhias tóxicas, fazer coisas que me aborrecem e que não condizem com meus propósitos de vida… Se sei que vai me fazer mal, hoje ou amanhã não vou e não faço.

E você como está indo no seu envelhecer, me conte… vou adorar interagir com vocês.

TERCEIRA IDADE – DESFILANDO LINDA LEVE E SOLTA EM PARIS !

Simplesmente maravilhosa!!!

Aos 74 anos, Hellen Mirren apostou no conforto para #desfilar na semana de moda de Paris, numa tarde de domingo (30/09/2019).

Descalça, a atriz #veterana cruzou a #passarela com um vestido longo esfoaçante preto e branco, chamando a atenção dos presentes devido a sua simpatia e através de seus pulinhos, encantando a todos.

Foi no desfile da L´oreal Paris que levou também para a apresentação nomes como a cantora Camilla Cabello e as atrizes Andie McDowell e Evan Longoria. 

Se eu pudesse escolher gostaria de desfilar assim como ela, jogando todos os padrões convencionais ao vento e mostrando toda a alegria do meu #envelhecer, sem #invisibilidade!

Somos todas #empoderadas!!!

REUNIÕES PORTAS ABERTAS.

As Reuniões Portas Abertas foram criadas para você conhecer mais sobre os objetivos do Grupo Mulheres do Brasil e também sobre os Comitês, nos quais poderão se engajar.

Fui nesta semana (6/02/2020 no horário das 14:30 ás 17:00 horas) na primeira reunião do ano deste grupo. Foi realizada na Casa Mulheres do Brasil: Rua Doutor Tomás Carvalhal, 681 – Paraíso – São Paulo.

Conheci vários comitês e o andamento de seus projetos, todos muito interessantes e cheio de propostas muito boas… me apaixonei por vários. Vou escolher os que mais me identifiquei pra fazer parte deles, foram eles:

Conexão Bairros e Comunidades, Expansão, Comunicação, Jurídico, Vozes, Saúde, Políticas Públicas, Meninas do Brasil, Inserção de Refugiados, Inclusão da pessoa com deficiência, 60+, Igualdade Racial, Empreendedorismo, Educação, Cultura, Combate à Violencia Contra a Mulher, 80 em 8.

Conheci também alguns expositores que estavam na casa. Seus trabalhos são executados com muito primor e uma dose extra de amor.

Um deles foi o Saberes no Pano. org (#saberesnopano.org) que fazem livrinhos de pano super criativos para as crianças. Amei!

Os Livros de pano do Movimento de Mulheres do Jardim Comercial, são reconhecidos nacional e premiado internacionalmente. Resgatam também muitas brincadeiras da nossa infância. “Nossa vida se torna mais bela quando aprendemos a conviver com as diferenças…”

Outro foram as que faziam as pequenas bonequinhas Abayomi, que tem uma linda história. Feitas pelos refogados.

Para acalentar seus filhos durante as terríveis viagens a bordo dos tumbeiros – navio de pequeno porte que realizava o transporte de escravos entre África e Brasil – as mães africanas rasgavam retalhos de suas saias e a partir deles criavam pequenas bonecas, feitas de tranças ou nós, que serviam como amuleto de proteção. As bonecas, símbolo de resistência, ficaram conhecidas como Abayomi, termo que significa ‘Encontro precioso’, em Iorubá, uma das maiores etnias do continente africano cuja população habita parte da Nigéria, Benin, Togo e Costa do Marfim. Sem costura alguma (apenas nós ou tranças), as bonecas não possuem demarcação de olho, nariz nem boca, isso para favorecer o reconhecimento das múltiplas etnias africanas.

O Instituto Amor em Mechas andam transformando vidas, são um grupo que fazem perucas e ajeitam lenços para a cabelo oferecendo para as mulheres. Tem como objetivo contribuir para que mais e mais mulheres em tratamento quimioterápico ou que convivem com a alopecia, continuem a receber as perucas gratuitamente, mantendo sua autoestima elevada.

#movimentodemulheres #livrinhosdepano #historiasinfantis

#portasabertas #grupomulheresdobrasil

#abayomi

#refugiados@grupomulheresdobrasil #refugiados

COMEÇANDO A PRATICAR O TAI CHI CHUAN… BORA VIR COMIGO!

Hoje começo a praticar o Tai Chi Chuan… (#taichichuan) tenho namorado já por algum tempo está #artemarcialchinesa, mas como tenho viajado demais fui prorrogando… prorrogando, mas meu médico e meu filho, me deram um ultimato! Começando já!

Agora com uma academia na esquina de casa, me animei, não dá pra empurrar com a barriga por mais tempo. Além de ser uma ótima Academia, de referência em São Paulo e aqui no Morumbi, juntei o útil ao agradável. Super recomendo vocês conhecerem a academia e a fazer uma aula experimental gratuita pra conhecerem melhor esta arte marcial e se identificando, fazendo a inscrição lá na Academia. Vamos lá. Escolhi fazer (#krdojoacademia) aqui http://krdojoacademia.com.br/

Um pouco mais sobre esta arte marcial: Taiji Quan ou Tai chi chuan (tai chi chuã) – Tai Chi Chuan é uma arte marcial chinesa, baseada em suaves movimentos circulares que trabalha #corpo, #mente e #espírito.

Além de ser uma #defesapessoal e um treinamento físico completo, é um caminho de busca do #equilíbrio entre o #bemestar #emocional.

Esta arte marcial é caracterizada pela #suavidade, ritmo calmo e #flexibilidade das posturas e movimentos e é utilizada como uma forma de #meditação em movimento.

O Tai Chi Chuan atuando tanto no corpo quanto na mente, com esta prática propõe alcançar o equilíbrio envolvendo todas as partes do corpo: músculos, pulmões, cérebro, coração, respiração e movimentos do corpo. Parece se encaixar em tudo que gosto e preciso rsrsrs.

Seus benefícios:

1. Rejuvenescimento: Tai Chi quando comparando com o caminhada rápida (sobre a #longevidade e a saúde), parece ser uma escolha mais fácil e mais conveniente como exercício de #antienvelhecimento.

2. Acalmar e combater o #estresse: Pode ser praticado como uma meditação em movimento. Os gestos lentos e circulares têm um efeito benéfico no sistema nervoso, #relaxando e reduzindo a tensão.

3. Reduz o nível de açúcar no sangue: O Tai Chi Chuan contribui para baixar o açúcar no sangue e pode beneficiar que tem #diabetestipo2.

4. Abaixa a #pressãoarterial e diminui o #colesterol: O Tai Chi Chuan reduz a pressão alta e o colesterol, através de seus movimentos.

5. Faz bem ao #coração: O Tai Chi Chuan, é benéfico para pessoas com problemas de insuficiência cardíaca.

6. Melhora a #qualidadedosono: Em estudos realizados recentemente mostram que quem pratica teve como resultado e uma melhorara significativa na #qualidadedevida e no aumento da duração do sono.

7. Antidepressivo natural: Confirme os estudos demonstram Tai Chi pode ajudar a melhorar o estado emocional e #psicológico das pessoas.

8. Beneficios para o #celebro e #concentração: Estudos descobriram que aqueles que praticaram esta arte três vezes por semana, durante 40 semanas, apresentaram #melhoriasnocérebro havendo inclusive um aumento no seu volume, que à medida que envelhecemos diminui. O Tai Chi Chuan melhora funções do cérebro como o nível de atenção e concentração, pois estas são necessárias para a realização dos movimentos dessa prática.

9. Faz bem para as articulações: Um estudo realizado no Tufts Medical Center demonstrou que adultos acometidos por #osteoartrite nos joelhos, que praticaram o Tai Chi Chuan duas vezes por semana, apresentaram uma melhoria real em aspectos como dor e função articular.

10. Recuperação após um acidente #vascularcerebral: Eu precisava de que, para começar além da vontade e da minha organização pessoal? Tratei de fazer isto logo no início do ano.

Para aprender a prática do Tai Chi Chuan precisava estar também mais centrada, estável, equilibrada e relaxada, pois estas são as capacidades que com o tempo vão aumentando de quem faz os movimentos desta arte milenar chinesa. Foi o que aconteceu comigo logo depois do período das festas e férias de verão.

Com tantos #benefícios, estou começando agora… e quem sabe você começa também!

Deu pra animar? Bora começar comigo.