SAUDADES!!!

Irina Marques, minha amiga portuguesa, tem um Blog lindo onde escreve muita coisa poeticamente. Ela escreveu este texto muito lindo sobre saudades. A saudade mora em mim a muito tempo. Me emocionei! Compartilhando com vocês.

Sinto saudades, sim, refiro esta palavra tão tipicamente portuguesa que carrega um significado que só nós sabemos, profundo, pesado e com a nostalgia de um afecto que esteve presente mas não está mais. Talvez esteja a ser demasiado breve na sua definição, mas este sentimento melancólico não tem como ser explicado. Saudade, ela por vezes toma conta de nós.

Normalmente associada a algo passado, de lugares, épocas e pessoas a saudade hoje toma conta de mim. Vejamos, não é que não queria seguir em frente e pensar no presente, muito antes pelo contrário é, algo diferente.

Lembro-me de pessoas que estavam presentes e já não estão, momentos vividos com elas ficaram gravados na minha memória, como uma belíssima história que marcou o seu lugar. Lembro-me de locais visitados, alguns muito cobiçados, que através de muita luta e privações consegui alcançar, e que maravilhosas memórias fotográficas e aprendizados que tive. Abriram portas distantes, não foram instantes marcaram a minha forma de perceber e pensar.

Lembro-me de palavras faladas, comunicadas, de certa forma pensadas para haver estruturação. E ainda se lembram das cartas? Aquele envelope que nos deixavam no correio, na altura o único meio de contacto com proximidade. A surpresa da carta, de seu conteúdo, de tentativa de decifrar a letra, o cunho timbrado da pessoa. Não que agora a comunicação não seja mais fácil, mas o envelope, para mim representava uma prenda misteriosa no seu conteúdo. Ainda hoje conservo inúmeras cartas. Lembro-me de modificações, passar por desafios e alterações, como era antes. Terei saudades de como era antes? Aqui ponho-me a pensar…. Há saudades.

Teria feito as coisas de forma diferente? Provavelmente. Com a mentalidade que tenho agora e não possuía na altura tinha evitado alguma aventura, marcas e traumas marcaram o lugar, deixei-me ficar. Seguir ao sabor da corrente não bater o pé ou pensar coerentemente apenas levei pela emoção. Ah coração, que sempre tentaste me ditar a vida. Agora vivo com ponderação, penso na ação, faço questão de usar a expressão. Sempre. E lembro-me que sempre gostei de escrever, não expunha e conservava em cadernos, o seu conteúdo e pensamentos, alguns tormentos que passava, mas em tinta derramava para atestar minha história de vida do meu ser.

Saudade, aquele sentimento tão nosso, que por vezes se apodera de nós. Mesmo que sigamos em frente será algo que temos sempre na mente, em qualquer lugar. E vocês, do que sentem saudades?

Veja também: https://oterceiroato.com/2020/10/15/historia-do-avental-da-vovo/

https://oterceiroato.com/2020/10/12/casa-de-mae-depois-que-se-vao/

8 comentários sobre “SAUDADES!!!

  1. Oh Bia! Deixou-me com saudades. De tanta gente que posso considerar amiga que nunca conheci e que me toca e… nem sei o que lhe diga, deixou-me sensível com este post. Adorei ver como colocou as palavras em fotos tão belas, profundas e sentidas. Sou sincera, deixou marca.
    Espero que esteja tudo bem consigo e com os seus. Um abraço forte.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s